Direito de Resposta – Escola EducaCenter

A Escola EducaCenter vem à público manifestar repúdio às afirmações do vereador Sá Marques, veiculadas em blogs desta capital, onde afirma que o grupo escolar estaria obrigando funcionários e professores a cumprir carga horária presencial nas dependências da escola, bem como descumprindo acordo entre o sindicato das instituições privadas de ensino e as escolas.

As alusões trazidas pelo referido parlamentar são lamentáveis, inverídicas e até criminosas, na medida em que lança calúnias e difama o bom nome de uma instituição que há mais de uma década é referência em educação, com reconhecida competência e qualidade, não apenas pelo comprometimento com a formação intelectual, social, artística, emocional e ética dos alunos, mas também pelo respeito que tem
pelo seu quadro de pessoal.

A Escola EducaCenter esclarece à sociedade que nunca obrigou seus funcionários (incluindo professores) a cumprir carga horária presencial neste momento de pandemia, pois a maioria do seu quadro de pessoal foi orientado à permanecer em casa, conforme diretrizes da Organização Mundial de Saúde e do próprio Governo Estadual. Ocorre que, no caso dos professores, para não permitir que os alunos ficassem desassistidos neste momento tão delicado que assola o planeta, a instituição implantou o si stema de aula remota, por videoconferência, como vêm fazendo a maioria das escolas do nosso pais.

Nesse contexto, como é público e notório, para execução desse tipo de trabalho (aula remota), além de um microcomputador é indispensável uma internet de qualidade, nem sempre disponível a todos os professores do nosso grupo em seus lares. Assim, a escola realizou investimentos, potencializando a velocidade de sua internet, adquirindo notebooks, microfones de lapela, etc, disponibilizando para aqueles educadores que não tivessem estrutura em suas residências para ministrarem aulas em casos que tais.

Aqueles que dispõem de estrutura técnica, realizam as atividades de sua própria residência, outros que não dispõem, preferiram utilizar-se da estrutura oferecida pela escola. Não houve, neste momento, determinação da direção da escola no sentido da obrigatoriedade do cumprimento da carga horária pelos professores na própria instituição. Os que estão utilizando a estrutura da escola e ministram aulas apenas em um turno, iniciam as 8h30min e saem 10h30min, já os que lecionam em ambos os turnos retornam às 14h30min e enceram às 16h30min.

A escola conta atualmente com 12 professores e dispõe de mais 15 salas, além dos ambientes ao ar livre, de modo que na gravação das aulas não há aglomeração ou qualquer comprometimento da saúde de nossos educadores. Além de disso, a utilização de máscaras e álcool em gel é obrigatório no recinto.

De fato, a administração da escola entrou em contato com o referido parlamentar, contudo, não para pedir orientação, mas sim para esclarecer os fatos e restabelecer a verdade. Cabe registrar ainda que o vereador em questão não adentrou nas dependências da escola ou mesmo entrevistou qualquer funcionário de
nossa equipe, como afirmado na matéria.

Por fim, lamentamos a postura do vereador Sá Marques que, desprovido de evidências, assaca inverdades em face da Escola EducaCenter, certamente buscando visibilidade em ano eleitoral às custas de uma instituição de ensino séria e tradicional, que adotará as medidas judicias cabíveis pela tentativa de abalo de sua imagem.

São Luís (MA), 02 de junho de 2020.
Escola EducaCenter
Diretoria

1 pensou em “Direito de Resposta – Escola EducaCenter

  1. Pingback: Sá Marques cobra implantação dos benefícios para profissionais de saúde que atuam contra o coronavírus | Blog do ClodoaldoBlog do Clodoaldo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *