Roberto Rocha diz que acordo com Braide foi firmado em 2018 e enterra candidatura de Wellington

Mais uma declaração do senador Roberto Rocha, que comando o PSDB no Maranhão, praticamente descarta a candidatura de Wellington do Curso à prefeitura de São Luís. Em entrevista ao Blog do Ricardo Fonseca, Rocha disse que não existe traição ao seu correlegionário porque o acordo já estava firmado com a candidatura de Eduardo Braide desde 2018.

“Nosso compromisso com Eduardo Braide foi firmado em 2018, portanto há dois anos, na presença do deputado Wellington (do Curso). Onde está a traição que os comunistas alegam?”, disse Rocha, afirmando que “comunistas querem os dividir”.

Por mais que Roberto Rocha diga que são “comunistas” que querem dividir sua aliança, o discurso de unidade não tem acento com a realidade. Enquanto ele prega unidade que poderia ocorrer com a indicação de Wellington como vice na chapa de Eduardo Braide, o deputado estadual segue afirmando em entrevistas e na tribuna da Assembleia Legislativa que teve a garantia de Roberto que será candidato e tem apoio da direção nacional, demonstrando claramente não concordar com a retirada de sua candidatura a prefeito por uma aliança.

O tempo está esgotando e a cada dia a candidatura de Wellington a prefeito fica mais distante.

 

1 pensou em “Roberto Rocha diz que acordo com Braide foi firmado em 2018 e enterra candidatura de Wellington

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.