Weverton defende um novo ciclo de desenvolvimento para o Maranhão

“Nós precisamos abrir oportunidades para atrair empresas com empregos sustentáveis e que valorizem nossa gente”, afirmou o senador Weverton durante a live Café com Lupi, realizada pelo presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, todos os sábados pela manhã.

Em uma conversa sobre os rumos do partido, que contou também com a participação do prefeito de Cabo Frio (RJ), o pedetista José Bonifácio, Lupi destacou o crescimento do PDT em todo o Brasil e no Maranhão. E Weverton falou das ideias do partido para o estado.

“No Maranhão, depois de um ciclo grande, teve um governo, do Flávio Dino, que construiu essa transição. Então, a partir de agora vem o ciclo de disputas propositivas: quem tiver oportunidade vai ter que trabalhar para mostrar que é merecedor de continuar na vida pública. A população está mais exigente, observando mais e cobrando mais”, disse Weverton.

O senador citou vantagens estratégicas do estado, como o Porto do Itaqui, cidades com grande potencial turístico, rios perenes que favorecem à agricultura e à pecuária e lembrou que o Maranhão já foi um estado mais industrializado e o maior produtor de algodão. “Precisamos usar isso para começar um novo ciclo de desenvolvimento no estado”, afirmou.

Weverton elogiou o governador Flávio Dino, que na sua opinião abriu importantes serviços para o estado. E afirmou que num eventual governo do PDT, o desafio será manter esses serviços, promover uma nova era de desenvolvimento e retomar, atualizado, o plano de governo de Jackson Lago, interrompido pelo golpe que foi sua cassação do governo, em 2009.

“O primeiro desafio é manter o que Flávio Dino começou. Ele abriu muitos novos serviços. Para você ter ideia, nós tínhamos regiões no Maranhão que não tinham um leito de UTI e hoje temos vários serviços de saúde. Ele criou um programa, inspirado no Brizola, chamado Escola Digna”, citou Weverton.

“Além disso, diante da necessidade de inclusão dos jovens no mercado de trabalho, eu penso que o próximo governo tem o desafio de voltar a industrializar o Maranhão e promover simultaneamente o agronegócio e a agricultura familiar”.

Carlos Lupi ressaltou a trajetória de Weverton, que está no partido desde os 16 anos, e disse que, apesar de jovem, ele tem uma enorme capacidade de articulação e, por isso, tem ocupado posição de destaque no Senado. O presidente nacional do PDT também afirmou que vê Weverton como futuro governador do Maranhão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *