Maranhense Rayssa Leal é uma das mais jovens medalhistas da história das Olimpíadas

A skatista de Imperatriz, Rayssa Leal, entrou para a história dos Jogos Olímpicos.

Ao conquistar prata na modalidade street do skate feminino nos Jogos Olímpicos de Tóquio, a Fadinha tornou-se a atleta mais jovem a ganhar uma medalha pelo Brasil nas Olimpíadas. Aos 13 anos e sete meses de idade, a skatista maranhense desbancou Rosângela Santos, que foi bronze no 4x100m do atletismo em Pequim, em 2008, aos 17.

Na história olímpica mundial, é a terceira medalhista mais jovem em 85 anos.

Antes mesmo da medalha, Rayssa já havia feito história em Tóquio. Ao iniciar sua prova no street, ela passou a ser a atleta mais jovem a defender o Brasil em uma edição de Olimpíadas na história, feito este que pertencia à nadadora Talita Rodrigues, que competiu no revezamento 4x100m livre com 13 anos e 11 meses de idade, nas Olimpíadas de Londres-1948.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.