Lula esfria movimento de candidatura própria do PT no Maranhão

O ex-presidente Lula concedeu entrevista à TV Mirante, na qual rechaçou a possibilidade de candidatura própria do partido ao governo do Maranhão.

Durante sua visita ao estado, o ex-presidente deu clara demonstração de sua preferência sobre as eleições do Maranhão. Lula citou o senador Weverton Rocha com carinho e deferência e em momento algum falou sobre o vice-governador do Maranhão, que depois de ter passado muito constrangimento correndo atrás de Lula, acabou desistindo.

Na entrevista, Lula também derrubou a segunda tese sobre o PT: a de candidatura própria. Ele afirmou que este cenário (de candidatura própria) não se consolida no Maranhão, apesar do partido ter legitimidade.

Lula esfria assim um movimento que tentava insuflar o nome de Felipe Camarão como uma espécie de “plano B”. Camarão é pré-candidato a deputado federal e está bem consolidado dentro deste contexto.

O maior líder do partido está bem definido sobre o projeto para o PT no Maranhão.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.