Gestores da Região Sul aprovam gestão do secretário Carlos Lula

Na Região Sul, com a implantação do Hospital Regional de Balsas, instalação de UTI, maternidade, Centro de Hemodiálise, transporte sanitário com novas ambulâncias para os municípios, serviços de urologia, pediatria, neurologia, entre outros, os gestores aprovaram a gestão do secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

Nesta terça-feira (22), os gestores regionais e secretários de saúde dos 13 municípios da região destacaram o papel decisivo do secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, na reestruturação da rede de saúde, na expansão de serviços e no enfrentamento do histórico do vazio assistencial.

O secretário adjunto de Saúde do Estado, Giltarlã Araújo Lima, afirmou que os avanços decorrem do diálogo com o Estado e Municípios associados ao compromisso com a defesa do SUS, ambos defendidos pelo secretário Carlos Lula.

“Antes do governador Flávio Dino e do secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, Balsas tinha um vazio assistencial em todas as redes de saúde, um dos maiores índices de mortalidade materna-infantil, ausência de especialistas, cirurgias, uma rede hospitalar totalmente privada. Em pouco tempo, menos de cinco anos, nós conseguimos um hospital macrorregional com cirurgia, temos hoje urologia, um centro de hemodiálise, uma maternidade, pediatria de alto nível, UTI. Nós temos hoje uma regional de saúde forte que garante apoio institucional diuturnamente para todos os municípios. Agradeço ao governador Flávio e ao secretário Lula por esse ato de amor profundo e solidariedade com a região mais distante do Estado”, disse

A gestora Regional de Saúde de Balsas, Cátia Regina, reforçou os principais avanços da saúde durante o encontro com o gestor estadual. “Um é de agradecer a expansão, o cuidado com a nossa região. Temos uma região muito fortalecida e esse olhar que o secretário Carlos Lula teve com a nossa região, onde nós tínhamos um enorme vazio assistencial, a gente hoje consegue dizer que nós estamos salvando vidas e levando saúde de qualidade. O segundo é que a gente possa manter esse sistema forte”, disse.

O secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, agradeceu o reconhecimento e os resultados alcançados com a melhoria da saúde na região. “A gente conta com gestores comprometidos com o SUS na região de Balsas. A reestruturação da rede de saúde da região proporcionou a melhoria da assistência, do cuidado com as pessoas e a melhorias dos indicadores de saúde. Então, nós precisamos continuar avançando na construção desse grande SUS no Estado”, destacou o secretário Carlos Lula.

Participaram do encontro o secretário Adjunto de Saúde do Estado, Giltarlã Araújo; a diretora da Regional de Saúde de Balsas, Cátia Regina; secretário de Saúde Balsas e presidente da CIR, Raylson Félix; a secretária de Saúde de Alto Parnaíba, Bianca Bento de Souza; a secretária de Saúde de São Raimundo das Mangabeiras, Viviane do Nascimento; a secretária de Saúde de Sambaíba, Amanda de Jesus Miranda Barros; o secretário de Saúde de São Félix de Balsas, Alex Martins Silva; o secretário de Saúde de Loreto, Fernando Pereira dos Santos; a secretária de Saúde de Riachão, Elisângela Silva; o secretário de Saúde de São Pedro dos Crentes, Marllon Cássio da Silva Barros; o secretário de Saúde de Fortaleza dos Nogueiras, André Rodrigues; a secretária de Saúde de Nova Colinas, Raquel dos Santos Caldas e Izana Barros, representando a secretária de Saúde de Feira Nova do Maranhão. Além de Wanderleya dos Santos Rego, de Nova Colinas; de Dianade Brito Rêgo e Markaurelio Borges da Silva, de Riachão; de Everton Porto Silva, de Fortaleza dos Nogueiras e Enoque Correia, de São Raimundo das Mangabeiras.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.