César Pires diz que MOB quer afastar Litia Cavalcanti do processo do ferry

Em discurso na Assembleia Legislativa, o deputado estadual César Pires relatou que a promotora Lítia Cavalcanti está sendo perseguida e que a Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB) quer afastá-la do processo que investiga as condições do serviço de ferry boat que faz a travessia de pessoas entre São Luís e Baixada maranhense.

“Precisa ser apurado e para ser apurado nós temos que fazer essa CPI. Para o Rodrigo Maia vir prestar esclarecimentos de forma mais concreta. E que a gente continue dando relevo, continue dando luz. Que os deputados votados na baixada deem luz de relevo (…) não se expulsem de poder discutir o necessário para ter a liberdade do transporte, que não está tendo, sem que haja investigação”, disse o parlamentar.

“Eu tive essa informação e fui apurar a informação. É o meu papel fazer isso. O certo é. Eu não tenho uma relação próxima com ela, mas o que eu estou escutando é porque eu tenho algumas amizades com os promotores, relações históricas, que não se dá em função de promotor- deputado, mas do César e fulano, uma relação boa que me permite conhecer alguns fatos antecipados”, explicou Cesar em entrevista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.