Justiça cancela o São João de Santa Inês

O juiz titular da 4ª Vara de Santa Inês, respondendo pela 1ª Vara, Raphael Leite Guedes, determinou a imediata suspensão de shows artísticos de R$ 1,3 milhão em arraial de Santa Inês, administrada pelo prefeito Felipe dos Pneus.

A decisão foi feita após a repercussão da mídia sobre as denuncias feitas pelos vereadores de Santa Inês, Didi Jr e Geovane Belgas, que mostraram o desgastante e o caos no hospital municipal da cidade.

A decisão acolheu o pedido formulado em Ação Civil Pública ajuizada pelo Ministério Público, que requereu a suspensão dos shows previstos para o evento “São João da Nossa Gente”, marcados para acontecer nos dias 24 a 28 de junho de 2022. Entre os artistas que se apresentariam na cidade estão a cantora Joelma e a banda de forró Noda de Caju.

O MP estadual alega que os eventos são de grande magnitude, com apresentação de diversos artistas, alguns de expressão nacional, com divulgação veiculada nas mídias sociais.

O Ministério Público ressaltou que é notório que o Município de Santa Inês vem enfrentando diversos problemas nos serviços de saúde, educação, infraestrutura, saneamento básico, ,dentre tantos outros serviços essenciais, e por esse motivo seria necessária a suspensão do evento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.