Jair Bolsonaro deve cumprir agenda no Maranhão

O presidente Jair Bolsonaro deve desembarcar novamente no Maranhão no mês de maio. A informação foi divulgada pelo senador Roberto Rocha em suas redes sociais.

Segundo Roberto, o presidente da República vem inaugurar a ponte sobre o Rio Parnaíba, que liga as cidades de Alto Parnaíba (MA) e Santa Filomena (PI).

Roberto Rocha faz um esforço para tomar a obra para si, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, já deixou bem claro que a ponte foi construída com recursos da Bancada Federal do Piauí.

Bolsonaro deve cumprir agenda em Açailândia também. Ele deve pressionar, ainda mais, o governador Flávio Dino, nesse momento de CPI da Covid.

“É o sujeito mais despreparado que já ocupou a presidência na história do Brasil”, diz Flávio Dino

Os trechos da ligação divulgada pelo senador Jorge Kajuru em que o presidente Jair Bolsonaro pressiona o parlamentar a mudar o objeto da CPI da Covid-19, demonstra preocupação sobre um eventual depoimento do ex-Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello e articula o impeachment de ministros do STF.

O governador do Maranhão, Flávio Dino, opinou sobre o assunto. “Mais uma vergonha. Presidente da República tramando perseguição contra ministro do Supremo. É o sujeito mais despreparado que já ocupou a presidência na história do Brasil”, disse.

Pesquisa Exata mostra que Lulismo cresceu no Maranhão após eleição de Bolsonaro

A Pesquisa divulgada nesta terça-feira, 23, pelo Instituto Exata, aponta a liderança do ex-presidente Lula contra Jair Bolsonaro nas próximas eleições.

Em 2018, o Partido dos Trabalhadores (PT) teve como candidato o professor Fernando Haddad, apoiado por Lula, e obteve, no Maranhão, 61,26% dos votos válidos, enquanto Bolsonaro obteve apenas 24,28%.

Na pesquisa da Exata, Lula aparece com 69%, contra 16% de Jair Bolsonaro. A comparação com os números da última eleição demonstram um crescimento ainda maior do lulopetismo no Maranhão pós governo Bolsonaro.

O potencial político do lulismo segue muito alto no estado. A tendência é de crescimento nos próximos meses, quando começar, de fato, a pré-campanha e com a alta rejeição de Bolsonaro.

Durante entrega de ambulâncias, Márcio Jerry detona inoperância do governo Bolsonaro

Nesta quinta-feira, 04, o deputado licenciado e atual secretário de Cidades e Desenvolvimento Urbano, Márcio Jerry (PCdoB), aproveitou a entrega de ambulâncias a municípios do Maranhão e publicou um twitter alfinetando o presidente da República, detonando sua inoperância no combate ao Covid-19.

“Enquanto Jair Bolsonaro exala estupidez por todos os poros o trabalho pela saúde segue firme aqui no Maranhão sob comando do governador Flávio Dino. Hoje mais uma entrega de ambulâncias para reforçar o sistema de saúde em municípios do Maranhão. Cuidar bem da saúde é rotina no Governo do Estado”, publicou.

Jerry participou do ato ao lado dos prefeitos Toca Serra (Pedro do Rosário); Heliézer do Povo (Peri Mirim); e Leandro Moura (Santo Amaro).

Roseana Sarney oficializa apoio a Jair Bolsonaro

O que já era fato nos bastidores foi oficializado na manhã desta segunda-feira (15). A ex-governadora Roseana Sarney e seu grupo definiram que irão a campo pela campanha do presidenciável Jair Bolsonaro neste segundo turno.

Leia também: Bolsonaro agora terá novos donos no Maranhão

Roseana e seu grupo usaram e abusaram dos governos petistas nos últimos anos. Mas na véspera do impeachment de Dilma Rousseff, apoiaram a queda e os deputados ligados ao grupo votaram pela cassação da petista. O grupo Sarney participa do governo Temer com vários cargos e Sarney Filho chegou a ser ministro do meio ambiente.

Como sempre foram governo, o sarneys já vislumbram o poder no governo bolsonarista, favorito para vencer a eleição presidencial. E como sabem bem, cobrarão a fatura pelo apoio.