Temer tem medo de ficar sem nenhuma influência política: o “efeito Sarney”

Temer deve chegar ao período eleitoral da mesma forma que o ex-presidente Sarney: tão desgastado que não terá nenhuma influência.

Reportagem do jornal Folha de São Paulo apontou que o presidente Michel Temer está com medo do que chama de “efeito Sarney”. O presidente tem evitado ler os noticiários.

Com baixíssimos índices de popularidade e as poucas chances de aprovar sua principal bandeira, a reforma da Previdência, os assessores passassem a temer que o presidente não tenha poder político suficiente para chegar ao fim do mandato com alguma influência eleitoral. Este seria o efeito “Sarney”.

Alçado ao Planalto após a morte de Tancredo Neves, Sarney encontrou seu auge em 1986, com o Plano Cruzado. Após o fracasso das medidas, no entanto, terminou o governo com popularidade baixa, reações negativas do mercado e sem força política —nem mesmo o candidato de seu partido, Ulysses Guimarães, defendeu seu mandato.

Assessores de Temer querem evitar repetir o histórico.

1 pensou em “Temer tem medo de ficar sem nenhuma influência política: o “efeito Sarney”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *