Prefeito bolsominion perde a paciência e esculhamba “asfalto sonrisal” na BR-135

O prefeito Fred Maia, de Trizidela do Vale, volta a ser notícia com posicionamento totalmente diferente da última vez que ele teve grande repercussão. O prefeito divulgou um vídeo fazendo duras críticas à qualidade do asfalto na BR-135.

Ele reclama que o serviço feito entre outubro e dezembro do ano passado já está se acabando e as ambulâncias do município, que têm que transportar os pacientes para São Luís estão deterioradas pelo péssimo estado na rodovia.

“Eu passo nesta estrada todo tempo, e todo tempo essa porcaria. Presidente, estou fazendo esse vídeo pra mostrar pro senhor o que é serviço seboso. Este aqui é o famoso asfalto sonrisal”, reclama.

Fred Mais é o mesmo prefeito que gravou vídeo no dia 3 de janeiro publicado pelo próprio Jair Bolsonaro elogiando a entrega de um poço (relembre aqui). Bolsonaro usou o vídeo para alfinetar Flávio Dino (veja abaixo).

Mas acredito que o presidente não publicará o novo vídeo produzido pelo prefeito maranhense.

Adelmo Soares fecha acordo com os Coutinho para disputar a prefeitura de Caxias

O deputado estadual Adelmo Soares agora é de fato um forte pré-candidato à prefeitura de Caxias. Isto porque o parlamentar fechou acordo com a deputada Cleide Coutinho (PDT), que indicará o vice da chapa. A família Coutinho segue sendo uma grande força política na cidade.

O deputado federal Márcio Jerry participou da articulação para fechar o acordo. A vereadora Thaís Coutinho (PSB) é a mais cotada para ser a vice da chapa.

Mais um final de semana de pré-carnaval com vasta programação de sexta (24) a domingo (26)

O fim de semana está chegando e, com ele, mais uma rodada de folia do Pré-Carnaval do Maranhão. De sexta-feira (24) a domingo (26), a festa sacode diversos pontos do Centro de São Luís.

Começa às 17h desta sexta-feira, na Praça Nauro Machado, com diversas Tribos de Índios. Depois, às 19h, outras atrações sobem ao palco, como a Escola Favela do Samba. Para fechar a noite, está escalada a Banda Confraria do Copo.

No sábado, já é esperada a tradicional multidão na Beira-Mar, na altura da Praça Maria Aragão, a partir das 15h. E dois nomes de peso prometem fazer história: a Máquina de Descascar’Alho e o Jegue Folia.

No mesmo dia, o Bloco da Imprensa continua lotando a Praça dos Catraieiros, ao lado da Casa do Maranhão, após as 19h. Os shows incluem a Turma do Quinto, o Grupo Madrilenus e Marco Duailibe.

No domingo, o Pré-Carnaval é na Madre Deus, a partir das 16h. O Beco do Gavião recebe Gabriel Melônio e o Marabloco, entre outros.

Veja a programação deste fim de semana:

SEXTA-FEIRA

Praça Nauro Machado – das 17h às 19h
Tribo de Índios Sioux
Tribo de Índios Carajás
Tribo de Índios Itapoã
Tribo de Índios Guarany
Tribo de Índios Tupinambás
Tribo de Índios Curumim

Praça Nauro Machado – das 19h às 23h
Divina Batucada
Bloco Apaixonados
Bloco Afro Juremê
Escola Favela do Samba
Banda Confraria do Copo

SÁBADO

Beira-Mar, na altura da Maria Aragão – 15h às 20h
Banda Bloco Sem Limite
Bloco Os Imbatíveis
Bloco Máquina de Descascar’Alho
Jegue Folia

Bloco da Imprensa, na Praça dos Catraieiros – das 17h às 23h
Bloco Afro Aiyéyé Mayô
Banda Confraria do Copo
Bloco Os Brasinhas
Escola Turma do Quinto
Grupo Madrilenus
Marco Duailibe

DOMINGO

Beco do Gavião – das 16h às 21h
Bloco Afro Neto de Nanã
Bloco Companhia do Ritmo
Gabriel Melônio
Escola Unidos de Fátima
Grupo Marabloco

Mulher é condenada por forjar o próprio sequestro para se vingar do namorado em Buriticupu

Uma mulher foi condenada pelo Judiciário de Buriticupu, após forjar seu próprio sequestro para se vingar contra o namorado, por ter descoberto suposta traição por meio do aplicativo Whatsapp. O juiz Raphael Leite Guedes, da 1ª Vara da comarca, aplicou à ré a pena de dois anos de reclusão em regime aberto e dez dias de multa. A pena substituída foi pela prestação de serviços comunitários gratuitos.

A condenada também será submetida à limitação de fim de semana, ficando na obrigação de permanecer aos sábados e domingos, por cinco horas diárias (das 0h às 5h), em sua residência, tendo em vista a falta de casa do albergado ou estabelecimento similar naquela cidade.

Conforme a sentença, a prestação de serviços deverá cumprida como forma de se “buscar resgatar a autoestima do agente e de se promover sua devida inserção ao meio social, com o desempenho de atividade laborativa que lhe trará reconhecimento perante terceiros”, devendo ser cumprida à razão de uma hora de tarefa por dia de condenação, que será distribuída e fiscalizada, de modo a não prejudicar a jornada de trabalho da sentenciada.

A Ação Penal Pública Incondicionada foi ajuizada pelo Ministério Público estadual, que denunciou a prática do crime em duas oportunidades – a primeira em 15.05.2018 e a segunda vez 17.05.2018, em concurso material (mais de um crime). Com base nas provas dos autos, o juiz julgou parcialmente procedente a denúncia, e condenou a mulher às penas previstas no artigo 399, do Código Penal.

ENTENDA O CASO – No dia 15.05.2018, a mulher foi à delegacia de polícia do município de Buriticupu, afirmando ter sido sequestrada por dois criminosos armados com revólver, que a teriam obrigado a ir ao povoado Buritizinho, na saída do município. Os criminosos a teriam colocado em um veículo, de olhos vendados e com pés e mãos atadas.

Ainda segundo a denunciada, os sequestradores mostraram a foto da mandante do crime, sendo pessoa conhecida e que já teria lhe ameaçado em mensagem por Whatsapp. Para complementar seu falso relato, disse que a sequestradora afirmava possuir um caso com seu namorado, bem como teria ordenado seu estupro.

No dia 17.05.2018 ela voltou à delegacia do município para prestar mais falsas informações. Dessa vez, informando o nome da suposta mandante, a qual mantinha um caso com o seu namorado.

Durante as investigações, a autoridade policial apurou que a denunciante simulou seu próprio sequestro, e, na sequência, confessou ter armado a situação, tendo tirado fotos seminua e amarrada, para reforçar a sua falsa narrativa. A trama foi uma forma de vingança por ela ter descoberto que seu namorado a teria traído com a outra mulher.

Consta no inquérito policial depoimento de servidor público atuante na delegacia de polícia civil de Buriticupu, segundo o qual, após ter ciência de um suposto sequestro e de que os sequestradores estariam contatando a família para negociar a liberdade da vítima, passou a realizar oitivas e conduções de conhecidos, incluindo o namorado e uma moça loira, que era mencionada nas conversas (negociações) e que após a oitiva de todos, não acreditaram na ocorrência real do sequestro, tendo percebido que havia algo de errado.

DEFESA – A defesa da acusada confirmou a confissão formalizada por meio do interrogatório, entendendo haver os elementos de autoria e materialidade e requereu a condenação pelo art. 339 do C.P., reconhecendo como causa de diminuição da pena a contra a tese de concurso material.

Em análise dos autos, o juiz verificou que os fatos foram confessados pela ré, que em interrogatório afirmou estar arrependida, afirmando tratar-se de “momento de fraqueza causado por abalo emocional decorrente de traição e provocações da mulher”.

No entendimento do juiz, a denunciada mereceu sofrer a repressão penal, uma vez que as provas carreadas aos autos, inclusive sua confissão na fase inquisitorial e judicial, bem como os depoimentos das testemunhas, confirmam o crime de “denunciação caluniosa”. “Assim, a ré confessou em duas oportunidades a denunciação caluniosa de crime de sequestro, atribuindo a autoria delitiva a pessoa que sabia inocente, dando causa a investigação policial”, frisou.

De acordo com a sentença, o ato praticado pelo acusado amolda-se ao descrito no artigo 339, do Código Penal: “Dar causa à instauração de investigação policial, de processo judicial, instauração de investigação administrativa, inquérito civil ou ação de improbidade administrativa contra alguém, imputando-lhe crime de que o sabe inocente”, com pena de reclusão, de dois a oito anos, e multa.

Promoção de vale compras de R$ 500 da Rede Assaí no Instagram é falsa

Perfil falso mudou até a promoção depois que atingiu 20 mil seguidores

Desde o início desta quinta-feira (23) a movimentação é grande de contas de maranhenses no Instagram em virtude de uma “promoção” da rede Assaí, que ainda não se instalou no Maranhão, mas que já estaria prometendo um vale compras de R$ 550 para os primeiros 20 mil seguidores.

O Blog apurou junto à assessoria de comunicação da Rede Assaí que a informação é falsa e que a empresa já acionou as autoridades contra o perfil que afirma fazer a promoção em nome da rede atacadista. O verdadeiro perfil da rede é @assaiatacadistaoficial , que está com a conta verificada pelo Instagram.

A conta falsa, depois que alcançou os 20 mil seguidores, mudou a falsa promoção para conseguir 30 mil seguidores.

O mesmo golpe já foi feito em outros estados. Em Manaus, poucos dias antes da instalação do Assaí lá em 2018, um perfil também anunciou a mesma falsa promoção. Um indicativo de que se trata do mesmo golpista.

Com bebida e cachorro, Nelsinho Piquet infringe leis ambientais nos Lençóis Maranhenses

O jornal Folha de São Paulo publicou reportagem demonstrando que o piloto Nelsinho Piquet estaria cometendo infrações ambientais durante visita aos Lençóis Maranhenses, e ainda divulgando nas redes sociais.

Nas publicações do piloto, ele aparece com o cão Bob, e com bebida alcóolica em uma boia no formato de unicórnio como pano de fundo.

Vale lembrar que o parque dos Lençóis é uma área de preservação ambiental administrada pelo ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade) é do que o piloto vem sendo acusado após postar as imagens na região. Muitas delas vêm com a georreferência do parque nas grafias em português e inglês (“National Park Lençois Maranhenses”).

Perfis associados ao piloto Nelsinho Piquet sugerem infrações no Parque Nacional Lençóis MaranhensesAs normas para visitação do parque são claras. O turismo ecológico é permitido, mas uma portaria de 2017 do ICMBio, órgão do Ministério do Meio Ambiente, regulamenta como ele deve ser feito. Entre os vetos: “Venda, porte e consumo de bebidas alcoólicas e drogas ilícitas”, “trânsito de veículo motorizado sobre o campo de dunas livre”, “entrada de animais domésticos” e “entrar no Parque Nacional em quadriciclos, motos, bugres, bem como realizar enduros e/ou rallys”.

Há retratos que sumiram das redes sociais após internautas questionarem o uso do espaço. Caso da foto com a boia de unicórnio e duas garrafas da cachaça de Nelsinho, vendida pela internet por cerca de R$ 60.

A assessoria de imprensa do piloto diz que desde o início de 2019 ele é proprietário de um lote em condomínio em Santo Amaro (MA), município colado à unidade de conservação.

“Como todos os condôminos do local, ele e seus vizinhos são associados à entidade Amigos do Parque e têm autorizações válidas para uso de veículos no Parque Nacional —salvo no quadrilátero chamado ‘Zona Proibida’, na área central do Parque.”

As autorizações seriam emitidas pela Prefeitura de Santo Amaro “e válidas para os UTVs e carro de Nelson Piquet Jr., bem como para o helicóptero de seu amigo que aparece nas imagens em questão”, segundo a nota.

Perfis associados ao piloto Nelsinho Piquet sugerem infrações no Parque Nacional Lençóis Maranhenses

Convênio entre Governo do Estado e Hospital do Câncer Aldenora Bello já chega a R$ 13 milhões

Flávio Dino entregou novo aparelho de radioterapia ao Hospital Aldenora Bello. Investimento de convênio chega a R$ 13 milhões

Mais um fruto da parceria entre Governo do Estado e Fundação Antonio Dino, que mantém o Hospital do Câncer Aldenora Bello, foi entregue nesta quarta-feira (22). O novo Acelerador Linear, inaugurado com a presença do governador Flávio Dino, vai ampliar o tratamento de pacientes oncológicos em tratamento de radioterapia no Maranhão. A soma dos convênios do Executivo Estadual com a Fundação já ultrapassa os R$ 13 milhões.

O aparelho moderno foi adquirido graças ao convênio com o Governo do Estado, que viabilizou apoio financeiro no valor de R$ 5 milhões. Flávio Dino lembrou que além da aquisição do equipamento, foi preciso ainda construir o espaço adequado para atender os pacientes e com bloqueador de radiação.

O Governo do Maranhão possui dois convênios com o hospital, um deles é através da destinação da emenda dos 42 deputados estaduais para a operacionalização de serviços ambulatoriais, serviços de apoio e diagnóstico, cirúrgicos e de internação. Juntos, os valores ultrapassaram R$ 8,5 milhões.

“Nós tivemos perto de R$ 13 milhões em convênio com o Governo do Estado, que nos possibilitou muita coisa, inclusive abertura de SPA (Serviço de Pronto Atendimento) e o governador acabou de falar, que pretende continuar essa parceria que nos deixa muito felizes porque nosso compromisso é com o povo do Maranhão”, destacou o vice-presidente da Fundação, Antônio Dino Tavares.

Durante o evento, Flávio Dino destacou o esforço que a atual gestão vem fazendo para enfrentar o problema de tratamento de câncer, herdado do histórico descaso com a Saúde Pública do Maranhão. “Para a atenção a pessoas em tratamento de câncer, temos atendimento em Imperatriz e Caxias, em São Luís, um hospital com atendimento exclusivo ao câncer desde outubro de 2017, e apoiamos também instituições privadas, como o exemplo do Aldenora Bello, que tem um papel fundamental”, pontuou o governador, que ainda lembrou: “Temos ainda uma obra do Governo em parceria com o Ministério da Saúde, também de ampliação da radioterapia de modo que além dos passo já dados no passado nós temos, nesse ano de 2020, muitas conquistas importante para que essa doença possa ser um enfrentamento mediante uma ampla união”.

Cano quebrado desperdiça água e moradores ficam desabastecidos em Alcântara

Um cano localizado bem próximo da principal bomba de abastecimento está quebrado e jorrando água ininterruptamente no município de Alcântara. Segundo relato de moradores ao Blog, há bairros que estão há três dias e outros a quatro dias sem abastecimento.

O cano fica localizado no povoado Peital e o encanamento que passa por ele abastece grande parte da cidade.

O Blog entrou em contato com a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) e foi informado que o sistema já foi desligado para a correção do problema. Segundo a Caema, o serviço será encerrado o mais breve possível.

Nota da Caema:

Wellington já admite buscar outro partido para concorrer à prefeitura de São Luís

Depois das seguidas falas do presidente do PSDB, Roberto Rocha, deixando claro que o projeto do partido é a eleição de Eduardo Braide a prefeito de São Luís, o deputado estadual tucano e pré-candidato Wellington do Curso, admitiu publicamente pela primeira vez, que pode deixar a legenda para poder concorrer.

em entrevista à TV Guará, Wellington já admite mudar de partido. “Caso não seja possível pelo PSDB, eu vou procurar outra legenda para que eu possa sair candidato a prefeito de São Luís”, afirmou.

Com a primeira declaração pública de que pode deixar o partido, Wellington demonstra que não tolerou mais as seguidas manifestações de Rocha em favor de outro pré-candidato.

Líderes evangélicos preparam Semana Maranhense de Retiros Culturais

Mais de 100 representantes de diversas denominações evangélicas da Região Metropolitana de São Luís participaram nesta terça-feira(21/01) de reunião realizada pela Comissão Organizadora da Semana Maranhense de Retiros Culturais 2020.

A Semana Maranhense de Retiros Culturais é realizada há 14 anos e é amparada pela Lei 8.904/2008 que reconhece a arte evangélica como cultura e que é de autoria de Eliziane Gama. O evento é uma realização das Igrejas Evangélicas do Maranhão, Governo do Estado e Prefeitura de São Luís.

Segundo a parlamentar, esse é um momento que a juventude cristã se reúne todos os anos para aprender mais da Palavra de Deus, louvar ao Senhor e também realizar manifestações artísticas e culturais como teatro, música e dança.

Esse ano o tradicional encerramento da Semana Maranhense de Retiros Culturais será realizado na Quarta-feira de Cinzas com bandas e cantores maranhenses e nacionais, como Priscilla Alcantara, Forró Fogo e Glória, banda de pagode Marcados, além da banda americana Christafari, referência no reggae cristão no mundo.