Secretários explicam situação financeira da prefeitura na Câmara

Os secretários municipais de Fazenda, Sueli Bedê, e de Planejamento e Orçamento, José Cursino Raposo Filho, participaram, nesta quarta-feira (27), de audiência pública, na Câmara Municipal de São Luís, que discutiu a execução das metas fiscais relativas ao terceiro quadrimestre do ano de 2012.

Na presença de vereadores e de representantes da sociedade civil, os secretários fizeram uma detalhada explanação sobre os trabalhos realizados em suas respectivas pastas, desde a posse do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, em janeiro de 2013. A secretária Sueli Bedê apresentou os resultados fiscais pautados em dois quadros demonstrativos: o Relatório Resumido de Execução Orçamentária e o Relatório de Gestão Fiscal.

Durante a audiência pública, presidida pelo vereador Astro de Ogum (PMN), Sueli Bedê foi enfática ao afirmar que, seguindo orientações do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, a administração municipal tem procurado melhorar, cada vez mais, a qualificação dos gastos públicos e a ampliação dos recursos para garantir o equilíbrio fiscal e a transparência das ações do poder público, pensando sempre nas aspirações da sociedade.

Em seu pronunciamento, a secretária de Fazenda destacou a importância da gestão fazendária, empenhada no aprimoramento da arrecadação. Ela assegurou que, por expressa determinação do prefeito Edivaldo, a Fazenda municipal está trabalhando intensamente para obter, de forma gradual e segura, o aumento da arrecadação e a implementação de suas receitas próprias.

Questionada pelos vereadores, Sueli Bedê informou que estão sendo formuladas e implementadas políticas tributárias e importantes atividades como as de inteligência fiscal e investimentos em tecnologia de informação e comunicação.

Neste contexto, ela salientou ações fazendárias que “irão contribuir significativamente para o crescimento da receita municipal e, consequentemente, serão decisivas para ações de governo em prol do cliente-contribuinte e de todo o conjunto da população”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *