Maioria dos exonerados da Casa Civil eram afilhados de Márcio Coutinho

Márcio Coutinho

Márcio Coutinho

A quase totalidade dos 46 demitidos da Casa Civil estadual eram afilhados políticos de Márcio Coutinho. O advogado foi um dos coordenadores da campanha do candidato ao governo Edinho Lobão (PMDB), mantinha vários afilhados na Casa Civil.

Pessoas do alto escalão do governo não gostaram nada da atuação de Coutinho na coordenação de campanha de campanha de Edinho. Insatisfeitos com a condução da campanha de Márcio e o tratamento de aliados, a punição chegou logo na segunda-feira após a eleição.

As demissões do Governo do Estado começaram no em 6 de outubro. A lista de nomes pode ser conferida pelos Diários Oficiais do Governo, onde são publicadas demissões e admissões.

Coutinho é homem de confiança da família Lobão e ocupou a secretaria de Articulação Política por pouco tempo, indicado por Edinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *