Gasto de campanha deputados eleitos é suficiente para construir 23 escolas

gastocampanhaOs deputados estaduais eleitos no Maranhão gastaram juntos 17,5 milhões durante a campanha eleitoral. A variação do gasto entre os eleitos é grande, mas a ordem de votação de gastos é semelhante à ordem de votação. No pelotão dos mais votados, estão os que mais gastaram no processo eleitoral, uma relação direta entre dinheiro investido e voto.

Com a dinheirama gasta na campanha pelos 42 deputados eleitos, poderiam ser construídas 23 escolas de seis salas de aula com sala de informática, biblioteca, secretaria, diretoria e sala para professores para as pequenas cidades do Maranhão. Isto tendo como base o orçamento de R$ 746 mil divulgado pelo governo do estado de escola que deveria ser entregue em Itinga, até hoje não entregue.

Somente o gasto da candidata Andrea Murad (PMDB) seria suficiente para construir duas escolas e sobrar dinheiro. A filha do secretário de Saúde do Maranhão foi a campeã de gastos: utilizou R$ 1.800.532,33 para se eleger. Os outros três que mais gastaram são Adriano Sarney (R$ 1.193.747,68), Josimar de Maranhãozinho (R$ 923.200,00) e Glaubert Cutrim (R$ 869.100,00). Os quatro estão entre os mais votados da eleição maranhense. Destes, três estão entre os quatro mais votados. Somente Adriano parece não ter investido no ponto certo e foi apenas o 13º mais votado. 
Também chama atenção a prestação de contas da candidata Ana do Gás (PRB), que foi a terceira mais votada e declarou ter gasto “apenas” R$ 550.800,00. Porém, o volume de campanha da candidata sugeria um gasto muito maior.
O menos votado entre os eleitos gastou muito abaixo dos demais. Cabo Campos conseguiu se eleger gastando “somente” R$ 67.754,60.
 
Confira o gasto de todos os deputados estaduais eleitos:
Andrea Murad R$ 1.800.532,33
Adriano Sarney R$ 1.193.747,68
Josimar Maranhãozinho R$ 923.200,00
Glaubert Cutrim R$ 869.100,00
Rigo Teles R$ 820.354,04
Antonio Pereira R$ 797.279,31
Paulo Neto R$ 715.141,36
Souza Neto R$ 681.441,68
Humberto Coutinho R$ 681.117,13
Ana do Gás R$ 550.800,00
Alexandre Almeida R$ 549.640,43
Leo Cunha R$ 533.333,45
Fábio Braga R$ 526.800,00
Edivaldo Holanda R$ 454.549,38
Edilázio R$ 430.006,68
Sérgio Frota R$ 423.001,42
Hemetério Weba R$ 414.770,54
Neto Evangelista R$ 384.030,63
Fábio Macedo R$ 375.970,22
Vinícius Louro R$ 348.083,00
Roberto Costa R$ 306.735,76
Nina Melo R$ 276.774,92
Cesar Pires R$ 266.970,32
Graça Paz R$ 244.407,04
Stenio Rezende R$ 234.300,00
Carlinhos Florêncio R$ 233.675,00
Wellington do Curso R$ 228.778,91
Junior Verde R$ 208.739,90
Max Barros R$ 202.086,70
Zé Inácio R$ 193.352,29
Raimundo Cutrim R$ 185.893,77
Francisca Primo R$ 181.500,01
Bira do Pindaré R$ 174.730,97
Ricardo Rios R$ 164.400,00
Othelino Neto R$ 161.312,46
Rogério Cafeteira R$ 159.183,00
Eduardo Braide R$ 148.263,06
Levi Pontes R$ 141.065,00
Edson Araújo R$ 139.738,62
Valéria Macedo R$ 120.965,00
Marco Aurelio R$ 83.227,42
Cabo Campos R$ 67.754,60
  R$ 17.596.754,03
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *