Flávio Dino e Weverton Rocha arrastam multidão ao lado de Haddad

Na reta final para o segundo turno das eleições, o ato com o candidato à presidência da República, Fernando Haddad, arrastou uma multidão pelas ruas do bairro do Anil, em São Luis.

Haddad falou que viajou por todas as regiões do Nordeste e, que, como isto fazia um tempo, está voltando para reiterar o compromisso com esta região, que só deu boas notícias para o Brasil desde o início do século, aumentando sua participação no PIB, as oportunidades educacionais, as oportunidades de empreendedorismo, entre outras. “Enfim, o Nordeste vem perdendo ímpeto nos últimos dois anos em função das políticas recessivas do atual governo. E é importante retomar o crescimento desta região”, ressaltou o candidato.

No Maranhão, Haddad anuncia duas medidas: reduzir o preço do gás de cozinha com teto de R$ 49 e reajuste de 20% no Bolsa Família.

O governador Flávio Dino ratificou que é preciso demonstrar às pessoas o que representa a candidatura de Bolsonaro e que é possível vencer. “Está em jogo o 13º, a agricultura familiar, a aposentadoria do produtor rural, o bolsa família. Eu posso hoje dizer que nós enfrentamos a oligarquia mais antiga do Brasil e vencemos duas vezes no primeiro turno. Por isso não podemos nos curvar à manipulação. Eles querem que a gente baixe a bandeira e fique quieto achando que a eleição está ganha. Mas quem vence a eleição é o povo”.

Weverton Rocha lembrou que no primeiro turno das eleições o PDT tinha Ciro Gomes como seu candidato a presidente, mas que infelizmente não foi possível ele seguir para o segundo turno. E, que, sendo assim, agora seu candidato é o Haddad. “É 13! Aqui nós vamos fazer a nossa parte”, falou, chamando a população do Maranhão para fazer a mesma escolha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *