Gastão Vieira exagera no populismo e jovialidade

Gastão Vieira comendo camarão na feira da Praia Grande. Exagero!

Gastão Vieira comendo camarão na feira da Praia Grande. Exagero!

Quem assiste ao programa eleitoral do candidato ao Senado Gastão Vieira (PMDB) se assusto com os exageros da equipe de campanha do ex-ministro do turismo. O programa desta segunda-feira (8) foi o ápice do extremismo para tentar passar uma ideia de jovialidade e populismo de Gastão.

Pautada pelo paradigma de que esta eleição é marcada pela ideia de mudança e renovação política, a equipe de Gastão espera mudar a imagem dele, de político da velha guarda e cristalizado dentro do que há de mais arcaico na política do Maranhão. Por isso, quer transformar Gastão em duas coisas impossíveis: jovem e próximo ao povo.

No Marrapá: Patetice do dia: Gastão peca pelo excesso e vira piada nas redes sociais

A forçação de barra chega a ser deprimente. No programa de ontem (8), Gastão aparece comprando pessoalmente camarão seco na feira da Praia Grande e ainda experimenta ali mesmo um camarão. Descontraído, bate papo com as pessoas na feira, onde nenhum feirante nunca tinha visto Gastão.

Para encerrar com “chave de ouro”, Gastão corre para os braços do povo. O que para um senhor de 68 anos de idade e ex-ministro da República parece demais.

O tom exagerado da campanha de Gastão está virando uma contrapropaganda.

Aos 68 anos, Gastão corre ladeira acima. Demais!

Aos 68 anos, Gastão corre ladeira acima. Demais!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.