Saldo positivo: Carnaval de São Luís foi sucesso de público e segurança

Governador Flávio Dino e secretário de  de governo de SL. Lula Fylho, prestigiaram o desfile das Escolas de Samba

Governador Flávio Dino e secretário de de governo de São Luís, Lula Fylho, prestigiaram o desfile das Escolas de Samba

Mais uma vez, o carnaval acaba e deixa saudades nos foliões que se deslocaram para os diversos pontos oficiais de festa da programação do Carnaval de Todos, uma parceria da Prefeitura de São Luís, por meio da Fundação Municipal de Cultura (Func), com o Governo do Estado. Durante seis dias, passaram pela Passarela do Samba quase 80 agremiações carnavalescas, entre blocos tradicionais e organizados, grupos de tambor de crioula, turmas de samba, tribos de índio, além de 10 escolas de samba, que levaram para o público toda a riqueza das manifestações culturais do Maranhão.

5310_img-20150216-wa0025Em virtude da parceria governo-prefeitura, o Carnaval de 2015 recebeu uma injeção de recursos maior que a de 2014. Este ano foi aplicado R$ 1.700.00,00 milhões, enquanto ano passado a folia de Momo recebeu R$ 600.00,00. Por conta disso, não apenas as escolas de samba receberam fomento, mas também os blocos tradicionais e organizados. “Essa foi uma determinação do prefeito Edivaldo”, ressalta o presidente da Func, Marlon Botão.

A presença maciça do público em todas as noites de folia na Passarela do Samba foi o principal indício do sucesso do Carnaval de Todos, segundo os organizadores do evento. “Nós tivemos participação intensa de foliões, todos os ingressos foram distribuídos e víamos a animação das pessoas com a passagem das agremiações pela avenida”, diz Marlon Botão.

5311_v0l_26671Outra novidade foi a participação da iniciativa privada, com o patrocínio da Ambev por meio de projetos culturais viabilizado pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura, já destacada por Ester Marques, e da Associação Maranhense de Blocos Carnavalescos (AMBC), que injetou cerca de um milhão de reais, recurso destinado ao pagamento de apresentações, bem como premiações.

O último dia do Carnaval de Todos foi marcado por desfiles de 11 Blocos Afros. O encerramento da folia de Momo aconteceu com a Trupiada da Ilha, que reuniu os grupos de bumba meu boi do João Paulo, Maioba, Maiobão e Matinha, este último tendo comandado uma homenagem ao cantador Humberto de Maracanã, falecido mês passado em São Luís. Familiares do cantador estiveram presentes na avenida enquanto ele era homenageado como personalidade da cultura popular maranhense pelos 40 anos de dedicação ao bumba meu boi.

Enquanto acontecia a programação, estandes montados pelas secretarias de Saúde faziam campanhas de conscientização e distribuição de preservativos femininos e masculinos. O Hospital de Campana, montado na lateral da Passarela do Samba, realizava atendimentos emergenciais. “Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel (SAMU) estava à disposição para encaminhar os casos mais graves à Unidade de Pronto Atendimento do Bacanga, onde temos a Ala Vermelha, com estrutura semelhante a uma UTI”, contou a enfermeira Silvana Carvalho, uma das coordenadoras do estande.

Números da Passarela do Samba

. Mais de 60 mil pessoas nos seis dias de passarela
. Mais de 100 grupos na programação da passarela
. 50 comunidades com programação e apoio da Prefeitura
. 753 profissionais diretamente envolvidos no apoio de infraestrutura da Passarela, nos serviços de segurança, saúde, limpeza, vigilância sanitária, trânsito e transporte, entre outros
. 93 atendimentos no hospital de campanha
. 32.400 preservativos distribuídos
. 150 testes rápido de HIV realizados

2 pensou em “Saldo positivo: Carnaval de São Luís foi sucesso de público e segurança

  1. Voce dizer que foi saldo positivo, qual o carnaval do Rio? Porque o daqui foi uma merda. Aos poucos nossos gestores estão acabando, a decoração era melhor nem ter colocado, uma vergonha para os turistas que vieram pra cá. O mais nem se fala. Enfim um fiasco total, melhor se ir em 2016 para cidades do estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *