Raimundo Penha começa a despontar como favorito para presidente da Câmara

O vereador e presidente do PDT de São Luís, Raimundo Penha, começa a despontar como favorito para presidente da Câmara de Vereadores.

O primeiro fato é a relação amigável e cordial que tem com os seus pares. Ele mantém um dialogo constante com os demais vereadores e tem se mostrado um verdadeiro articulador.

Segundo é o apoio do atual presidente Osmar Filho, colega de partido e quem tem realizado uma ótima gestão e pode contribuir na articulação de apoios.

Terceiro é a amizade que ele tem com o senador Weverton, que lidera as pesquisas para Governo do Estado, tem um grupo forte na Capital e deve costurar o apoio de diversos partidos em prol do projeto de Penha.

Além disso, Penha tem experiência em gestão e liderança. Ele é advogado e pós-graduado em Direito Eleitoral pela Universidade Federal do Maranhão – UFMA. Presidiu Grêmio Estudantil e a União Municipal dos Estudantes – UMES.

Foi presidente do Conselho Estadual da Juventude e presidente estadual e tesoureiro nacional da Juventude Socialista do PDT.

Foi secretário de Desporto e Lazer de São Luís (2013-2014) e presidente do Instituto de Previdência e Assistência do Município – IPAM (2014-2016). E foi eleito duas vezes para o cargo de vereador. Portando, Raimundo Penha reúne as melhores condições para ser um excelente presidente da Câmara de Vereadores de São Luís.

CPI dos Transportes deve ser instalada hoje

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investigará a situação do transporte coletivo de São Luís será instaurada nesta quarta-feira, às 15h. A informação foi dada pelo o presidente da Casa, vereador Osmar Filho (PDT), durante a sessão dessa terça-feira, 23, da Câmara Municipal.

Osmar deu essa informação ao responder um questionamento do vereador Francisco Carvalho (PROS), um dos autores do requerimento que pedia a instauração da CPI, que perguntou quando a comissão iniciaria os seus trabalhos no parlamento municipal.

Além de Carvalho, o vereador Marquinhos (DEM) é o autor do outro requerimento que também pede a instalação dessa CPI.

Rodoviários de empresa de ônibus paralisam atividades em São Luís

Os rodoviários da empresa de ônibus Patrol estão realizando na manhã desta quinta-feira (11) uma paralisação na porta da empresa que fica localizada na Avenida Jerônimo de Albuquerque, situada no bairro Vinhais, em São Luís. Até o momento, nenhum ônibus saiu da garagem da empresa.

Os funcionários afirmam que a empresa não está cumprindo os direitos trabalhistas, vigorados pela Convenção Coletiva de Trabalho. Os rodoviários dizem que os empresários não cumpriram ainda o aumento no reajuste salarial no valor de 5%, o percentual de 6% no tíquete alimentação, que corresponde a R$ 620,00, e o pagamento dos salários em atraso.

A paralisação conta com o apoio do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão. Os rodoviários afirmam que só devem retornar as suas funções, quando todas as reivindicações forem atendidas pelos patrões. A empresa atende linhas das regiões da Cidade Olímpica e Cidade Operária.

Sobre a paralisação ocorrida nesta quinta-feira (11), da empresa Patrol – que integra o Consórcio Upaon Açu – a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) informa que a frota operante da mesma é de 12 veículos e que esse total de veículos já foi remanejado da frota de outras empresas do consórcio responsável para dar cobertura total aos serviços prestados pela empresa Patrol e, dessa forma, atender normalmente a população.

A SMTT ressalta que já está buscando informações junto ao SET, uma vez que o mesmo se comprometeu em cobrar das empresas o cumprimento do acordo com os rodoviários.

Bairros de São Luís vão ficar sem água nesta quinta

O abastecimento de água por meio do Sistema Italuís vai ser interrompido nesta quinta-feira (11) para a manutenção na parte elétrica do sistema de capacitação em São Luís. Os serviços terão início a partir das 8h e tem previsão para conclusão às 18h da quinta.

Segundo a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema), o fornecimento de água será reestabelecido de forma gradual a partir da conclusão dos trabalhos. Enquanto isso, a abastecimento alternativo por carros pipa priorizará as regiões afetadas.

A Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão não informou a estimativa de quantas pessoas ou famílias vão ser atingidas com a interrupção do abastecimento de água na capital maranhense.

De acordo com a Caema, os bairros atingidos com este desabastecimento são:
ZONA 02 (parcialmente afetada)

Monte Castelo (parte), Apeadouro, Irmãos Coragem, Bairro de Fátima, Bom Milagre, Parque Alemanha, Caratatiua, Vila Ivar Saldanha, Alto da Vitória, João Paulo, Jordoa, Vila Palmeira, Barreto, Túnel do Sacavém, Santa Cruz, Vera Cruz, Cutim, Radional, Coroado, Coroadinho, Vila Conceição, Bom Jesus, Vila dos Frades, Parque Timbira, Alto do Parque Timbira, Parque Pindorama, Parque dos Nobres, Conjunto São Sebastião, Bairro Primavera, Sítio do Pica-pau-amarelo, Redenção, Barés, Filipinho, Sítio Leal, Sacavém, Coheb do Sacavém, Salina do Sacavém e Santo Antônio.

ZONA 5A

São Francisco, Ilhinha, Morrinho, Jaracati, Ponta d’Areia, Ponta do Farol, São Marcos, Calhau, Renascença I e II, Residencial Novo Tempo II, La Ravardière, Alto do Calhau, Recanto dos Nobres, Cohafuma e Avenida Litorânea.

ZONA 6A

Vila Bacanga, UFMA, Sá Viana, Bairro Jambeiro, Vila Dom Luís, Vila Isabel, Vila Embratel, Vila São Benedito, Vila Resende e Vila Primavera.

Mesmo com fim da greve, CPI dos Transportes deve ser instalada na Câmara

A Câmara de Vereadores de São Luís, durante a sessão ordinária dessa quarta-feira, aprovou dois requerimentos que tratam da instauração de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para analisar a situação do transporte público de São Luís.

O objetivo da CPI vai ser investigar os motivos e os responsáveis que levaram à precariedade do sistema de transporte da capital. A CPI deve ser instaurada e começará com os trabalhos convidando os empresários.

Os dois requerimentos são de autoria dos vereadores Marquinhos (DEM) e do vereador Chico Carvalho (Pros).

Os vereadores que assinaram o requerimento do vereador Marquinhos foram: Coletivo Nós, Marquinhos, Paulo Victor, Andrey Monteiro, Antônio Garcês, Astro de Ogum, Chaguinhas, Concita Pinto, Domingos Paz, Edson Gaguinh, Fátima Araújo e Zeca Medeiros.

Um dos requisitos para a instalação da CPI é a necessidade da assinatura de 1/3 dos vereadores da Câmara. Ambos os requerimentos já cumpriram esse requisito.

Vereadores de São Luís mantêm veto governamental sobre LDO

Na manhã desta quarta-feira (27), em sessão ordinária, a Câmara Municipal de São Luís (CMSL) manteve os vetos do prefeito Eduardo Braide (Podemos) a emendas à LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) que dispõe sobre as diretrizes orçamentárias para o exercício de 2022.

A manutenção do veto veio após entendimento entre Legislativo e Executivo, o que explicou a votação maciça favorável ao veto.

Com a manutenção dos vetos, os parágrafos 3º e 4º, do art. 11 da LDO perdem seus efeitos. O primeiro trata dos aportes das emendas impositivas referentes ao percentual de 50%, enquanto o segundo determina a comunicação do valor para pagamento pelo Poder Executivo ao Poder Legislativo até o dia 28 de fevereiro do exercício.

A votação ocorreu após três semanas de negociações entre Prefeitura e Câmara, encabeçados, principalmente, pelo presidente da Casa, vereador Osmar Filho (PDT), e o líder de governo, Marcial Lima (Podemos).

Ribamar e Paço também prejudicadas com a paralisação dos ônibus metropolitanos

Não só os ônibus de responsabilidade da prefeitura de São Luís, mas os do transporte metropolitano, de responsabilidade da MOB – Governo do Estado – também estão parados desde o início da greve.

Os trabalhadores do transporte metropolitano também pedem aumento e a Agência do Governo não encontrou também solução para o impasse.

Os moradores dos outros municípios da Ilha estão tendo o mesmo prejuízo que os de São Luís em meio ao caos do transporte público.

Durante sessão, Chico Carvalho chama Marquinhos de vagabundo

Durante a sessão da Câmara de Vereadores de São Luís, os vereadores Chico Carvalho e Marquinhos discutiram e trocaram farpas.

Em determinado momento, os ânimos se exaltaram e o vereador Chico, que participava por vídeo conferência, chamou o colega parlamentar Marquinhos de “vagabundo”.

“Tu és um vagabundo”, disse várias vezes.

Edivaldo começa a pré-campanha pela região tocantina e inicia estadualização do nome

O ex-prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, segue se articulando na disputa pelo Governo do Maranhão. Ele começou sua pré-campanha pela região tocantina e iniciou a estadualização do seu nome.

Durante a programação, ele esteve com ex-prefeitos, líderes religiosos e candidatos que não lograram êxito nas últimas eleições.

Pesquisas de intenção de voto divulgadas pelos Institutos Exata e Escutec, mostraram a vice-liderança de Edivaldo.

Edivaldo bate no vice-governador Carlos Brandão (PSDB) e o deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL).

Escolas de Samba de São Luís se preparam para volta do carnaval em 2022

Segundo levantamento, quatro das 10 agremiações carnavalescas de São Luís apresentaram os enredos para o Carnaval 202.

Mesmo ainda em pandemia de Covid-19, as escolas de samba já se preparam para um possível retorno à Passarela do Samba ano que vem. Devido ao novo coronavírus, as festividades carnavalescas foram canceladas em 2021.

Veja os temas:
Turma do Quinto: “50 anos de carreira do cantor Josias Sobrinho”;
Flor do Samba: “Saudade”;
Favela do Samba: “Do Renascer da Grécia Antiga ao Berço da Cultura Popular: o legado do artista chamado Dionísio”;
Império Serrano: “70 anos do Jornal Pequeno, doa em quem doer”.

A Turma da Mangueira vai anunciar, no próximo dia 1º de outubro, o enredo para o carnaval 2022. Durante o evento, também será aberto o concurso para escolha do samba-enredo que vai embalar a agremiação na passarela do samba.