A situação das obras nos estádios Beira Rio e Jairzão

O deputado Wellington do Curso fez um discurso inflamado afirmando que a prefeitura de São Luís teria desviado recursos do Ministério dos Esportes para as obras de reforma dos estádios Beira Rio, na Ilhinha, e Jairzão, no Coroadinho. Acontece que nada foi pago ainda e os recursos estão assegurados.

Até agora, do valor global do Contrato de Repasse nº 1005901-20, celebrado entre o Município de São Luís e o Ministério, de R$ 438.531,25, sendo R$ 8.800,00 contrapartida do município, apenas R$ 214.865,63 estão disponíveis na CEF, aguardando realização de vistoria técnica da obra para o pagamento.

Em entrevista ao programa Ponto Continuando, da Rádio Mais FM, o secretário de governo de São Luís, Lula Fylho, explicou que até a presente data ainda não houve repasse de recursos para empresa licitada para execução da reforma dos Espaços Esportivos. A Ordem de Serviço para o início da obra foi expedida em agosto de 2015, à empresa Delta Empreendimentos LTD, ganhadora da licitação. A empresa chegou a realizar serviços de raspagem da camada vegetal e dias depois, declinado da obra, sendo notificada duas vezes pela secretaria para que retomasse imediatamente a obra. Em fase do não cumprimento da notificação o município a reincidiu o contrato.

A secretaria de esportes de São Luís aguarda o agendamento de uma nova vistoria nos locais das obras, a fim de que seja encaminhado ao setor de pagamento para liberação dos valores à empresa.

E mais: este pagamento foge à alçada da Semel, uma vez que a secretaria não é responsável por pagamento à empresa, responsabilidade exclusiva da Caixa Econômica Federal.

5 pensou em “A situação das obras nos estádios Beira Rio e Jairzão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *