Após dança das cadeiras, PCdoB, PDT, Podemos e DEM se tornam as maiores forças da Câmara de São Luís

Com o fim do período de filiação, foram muitas mudanças na Câmara Municipal de São Luís. Alguns vereadores mudaram de partido na última hora. O prazo da janela eleitoral encerrou na sexta-feira (3) e dos pré-candidatos que não possuem mandato, o prazo encerrou no sábado (4).

Como o blog já havia tratado, o PCdoB se tornou uma grande força eleitoral na capital, principalmente por filiar o vice-presidente da Câmara Municipal, Astro de Ogum. Além dele, o vereador paulo Victor também passa a ser comunista. Já estavam na legenda Marcelo Poeta e Fátima Araújo. Além destes, o PCdoB ainda têm pelo menos cinco nomes com muita força eleitoral em São Luís, incluindo o vice-prefeito Júlio Pinheiro que será candidato a vereador.

O PDT segue a tradição e será uma grande força na disputa para as vagas do parlamento municipal. Além dos já eleitos pelo partido Osmar Filho, Pavão Filho, Raimundo Penha e Ivaldo Rodrigues, o partido filiou o 2º vice-presidente da Casa, Nato Júnior.

Empolgado com o favoritismo atual do pré-candidato a prefeito Eduardo Braide, o Podemos filiou três vereadores de mandato. Chegaram ao partido junto com Braide: Sá Marques, Francisco Chaguinhas e Marcial Lima. Além deles, quem também se filiou ao partido foi o filho da vereadora Bárbara Soeiro, Octávio Soeiro. Bárbara não será candidato á reeleição e o filho irá disputar.

O DEM também está forte na disputa da capital. Além do vereador Marquinhos, se filiaram à legenda Edison Gaguinho, Josué Pinheiro, Ricardo Diniz e Estevão Aragão.

Ainda mudaram de partido: Genival Alves, que se filiou ao Republicanos, Afonso Manoel, que trocou o MDB pelo SDD e Silvino Abreu, que trocou o PRTB pelo PMB. Quem também deixou o PRTB foi Dr. Gutemberg, que se filiou ao PSC. Já havia mudado de partido também o vereador Beto Castro, que foi eleito pelo PROS, mas aliado de Josimar de Maranhãozinho se filiou ao Avante.

Umbelino Júnior também estava em busca de novo partido, e, conseguiu sua filiação no PRTB. O partido, aliás, expulsou seus quatro vereadores de mandato e seus dirigentes no Maranhão disseram aos filiados que não iriam disputar vaga com nenhum parlamentar. Não aguentaram a pressão.

Vereadores com novo partido:

Atro de Ogum – PCdoB

Paulo Victor – PCdoB

Nato Júnior – PDT

Sá Marques – Podemos

Chaguinhas – Podemos

Marcial Lima – Podemos

*Octávio Soeiro – Podemos

Edison Gaguinho – DEM

Josué Pinheiro – DEM

Ricardo Diniz – DEM

Estevão Aragão – DEM

Beto Castro – Avante

Genival Alves – Republicanos

Dr. Gutemberg – PSC

Afonso Manoel – SDD

Silvino Abreu – PMB

Umbelino Júnior – PRTB

*Octávio Soeiro não é vereador, mas filho da vereadora Bárbara Soeiro e será candidato. Bárbara não será candidata à reeleição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *