Candidatos expõem trabalhadores a altas temperaturas segurando bandeiras em rotatórias

Por volta das 12h desta segunda-feira (5) foram vistas pessoas em situação extremamente insalubre segunrando bandeiras para um candidato a vereador de São Luís em uma rotatória na Avenida dos Holandeses. O sol escaldante maltratava as pessoas, que por necessidade, se submetem ao trabalho. Mas o candidato deveria ser o primeiro a ter consciência do trabalho indigno a que submete seus funcionários.

Mas não é só esse candidato. Vários candidatos, inclusive a prefeito, continuam utilizando do expediente, que já deveria ter sido revisto. Se não proibido, o modo de campanha deveria ser pelo menos regulamentado, com a permissão apenas para horários mais adequados para a exposição ao sol e com limite de tempo para que as pessoas fiquem em pé segurando a bandeira.

Estamos vivendo um período de altas temperaturas com recordes em todo país. Em São Luís não é diferente, com temperaturas elevadas e baixa umidade do ar. Ainda ontem, tivemos novo incêndio na vegetação da Avenida Litorânea que está extremamente seca. Os bombeiros tiveram que atuar para controlar as chamas.

Em meio a onda de calor, não se discute como este modelo de campanha é degradante. E como os políticos são beneficiados com este tipo de trabalho degradante, é melhor que o eleitor seja o filtro para não votar em quem expõe as pessoas a trabalho análogo ao escravo em plena campanha eleitoral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.