Política maranhense em notas

R$ 1 bilhão em novas rodovias no MA

flaviomaisasfalto2O governador Flávio Dino lançou a segunda etapa do programa ‘Mais Asfalto’. Até o final do primeiro ano de Governo, o programa de pavimentação de ruas e avenidas chegará às vias urbanas de 107 municípios do Maranhão e pavimentará rodovias, no valor total de R$ 1 bilhão. No mesmo dia, o governador Flávio Dino oficializou a construção da estrada que liga a cidade de Paulino Neves a Barreirinhas. O novo trecho permitirá a integração rodoviária do Maranhão à ‘Rota das Emoções’, com os estados do Ceará e Piauí. Nos nove primeiros meses de Governo, a primeira etapa do “Mais Asfalto” chegou em 20 municípios, pavimentando 281 km de ruas e avenidas, com investimento de R$ 90 milhões.

MPF quer Lidiane em Pedrinhas

lidianeleiteO Ministério Público Federal no Maranhão (MPF/MA) pediu, nesta quarta-feira (30), que a Justiça Federal do Maranhão reconsidere a decisão que determinou que a ex-prefeita de Bom Jardim, Lidiane Leite, ficasse no quartel do Corpo de Bombeiros de São Luis. Se o pedido for acatado pela Justiça, Lidiane deverá ser encaminhada para a Penitenciária Feminina, no Complexo de Pedrinhas, onde se encontram recolhidas as demais presas provisórias. Caso não tenha o pedido atendido, o MPF apresentará mandado de segurança junto ao TRF questionando o beneficio concedido à acusada.

Fábio Braga debaixo da árvore

Como publicou um blog local, o deputado estadual Fábio Braga (PTdoB) espera o governo debaixo de uma árvore no Centro Histórico de São Luís. Mas foi por um bom motivo. O deputado estava à sombra em frente ao Teatro João do Vale na manhã desta quarta-feira (30) para comprar uma saborosa pipoca – que estava quentinha – e participar do lançamento da segunda etapa do programa Mais Asfalto. Logo entrou e acomodou-se para acompanhar o evento.

Janela e novo prazo de filiação

partidos-políticosDeputados federais e estaduais e vereadores têm, a partir de agora, a possibilidade de mudar de partido sem perda de mandato no período de trinta dias que antecede o prazo de filiação, exigido em lei para concorrer à eleição, majoritária ou proporcional, ao término do mandato vigente. A proposta feita pelo senador Roberto Rocha (PSB-MA) foi sancionada pela presidente Dilma Roussef, nesta terça-feira (29). Ou seja, no próximo ano os vereadores de mandato terão entre 2 de março e 2 de abril de 2016 para trocar de partido sem perder o mandato. A partir daí, encerra o prazo de filiação pra todos que concorrerão em 2016, já que prazo mínimo de filiação dos candidatos para seis meses antes da eleição. Antes, era de um ano.

Aliados de Edivaldo cobrarão acordo do PSC

edivaldopscAliados do prefeito Edivaldo irão cobrar do presidente nacional do PSC, Pastor Everaldo, o cumprimento do acordo feito com entre ele, a cúpula do partido no Maranhão e o prefeito de São Luís pela aliança com o governo municipal e nas eleições do próximo ano. O deputado André Fufuca, que controla a legenda hoje no Maranhão, disse que o partido não tem mais compromisso com o prefeito.

Fufuquinha quer entregar PSC a Murad

fufuquinharicardoO deputado André Fufuca deverá ceder legenda para a candidatura do ex-secretário de Saúde do estado, Ricardo Murad, já totalmente descartado pelo PMDB. Com o controle de PTN e provavelmente filiado ao PSC, Murad ainda deve ter o PSDC e garantir três partidos para sua candidatura a prefeito de São Luís. Com isto, constrói uma chapa para fazer barulho.

PSDC deverá perder seus vereadores

armandojosueOs dois vereadores do PSDC em São Luís já se movimentam para deixar o partido. Armando Costa e Josué Pinheiro são da base aliada do prefeito Edivaldo e estão em muita sintonia com a administração municipal. Como o deputado federal Aluísio Mendes está pronto para entregar a legenda para seu padrinho Ricardo Murad, os parlamentares não deverão ficar no partido. Josué foi o vereador mais votado nas eleições de 2012 e Armando tem forte articulação comunitária. São quadros valorizados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *