Andrea quer a renúncia de João Alberto após acusá-lo de fraude

andreaA deputada Andrea Murad (PMDB), candidata à presidência do PMDB, além de acusar o senador João Alberto, atual presidente, de fraude na Ata de reunião do partido, quer que ele renuncie já neste mandato. “Se for comprovada fraude, devemos exigir a renúncia imediata da atual direção”.

A filha de Ricardo Murad acusa João Alberto de ter fraudado a Ata da reunião sobre a eleição do partido, e afirma ter sido essa uma eleição fantasma. “Eu e o deputado Hildo estamos estupefatos com o fato da reunião do dia 11 de setembro sequer ter existido, ou seja, uma reunião fantasma. Se não houver resposta ao requerimento que fizemos, iremos buscar na direção nacional do PMDB e na justiça a suspensão da eleição para o novo diretório marcada para próxima sexta, dia 30″.

A guerra está declarada entre Ricardo Murad e Hildo Rocha contra João Alberto e Roberto Costa. A eleição está – até o momento – confirmada para sexta-feira (30).

Quem poderia resolver a questão, a ex-governadora Roseana Sarney, foge de polêmicas e qualquer holofote para não reascender as denúncias da Operação Lava Jato. E o PMDB segue em crise profunda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *