Castelo: “tem candidato que quer ser cabo eleitoral de futuro governador”

O prefeito João Castelo foi sabatinado na tarde desta quinta-feira (20) em O Imparcial. O prefeito jogou logo uma indireta para seu principal adversário, o deputado federal Edivaldo Holanda Júnior (PTC), afirmando sem citar seu nome que ele estaria sendo usado apenas como cabo eleitoral de Flávio Dino para a eleição de governador em 2014.

“Eu sei que tem candidato que não quer ser prefeito. Quer ser cabo eleitoral de futuro governador. Eu quero ser prefeito para dar a São Luís o que eu estou devendo a ela. Tenho 40 anos de política. Se eu fizer pela cidade o que eu tenho de projetos, estarei realizado. São Luís é minha eterna namorada”, declarou Castelo.

Castelo ainda tentou rechaçar qualquer imagem de que pelo fato de ser do PSDB, principal adversário do governo Dilma, teria problemas de parceria com o governo federal. “Apesar de eu ser do PSDB, minha maior parceira é a Dilma. Todos os projetos que eu levei, eu aprovei. Nós temos que nos unir e trabalhar pelo povo”.

Indagado sobre as obras realizadas apenas a partir do segundo ano de governo, Castelo alegou que teria que arrumar a casa primeiro. “O povo tinha uma impressão equivocada. Achava porque eu fiz muito como governador, eu ia resolver tudo de uma vez. Eu vou resolver, mas preciso de tempo e dinheiro. No primeiro ano de prefeitura eu não tinha dinheiro e precisava fazer os projetos. Se tivesse como fazer desde o primeiro ano, não precisaria fazer campanha eleitoral”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.