Pereirinha anuncia aposentadoria após vitória

O presidente da Câmara Municipal pelo quinto mandato consecutivo anunciou que após esta legislatura deixará a vida pública para cuidar dos filhos e netos. Pereirinha terá mais dois anos como presidente do parlamento e dois como vereador e encerra sua carreira. Ele foi eleito presidente por mais dois anos por 19 votos a 12.

“Vou fazer uma participação democrática com os 31, porque não vamos retaliar quem quer que seja. Depois terminar os dois anos não sendo mais presidente e encerro minha participação política. Em 2016 eu já terei 66 anos de idade e preciso cuidar dos meus filhos e meus netos”.

O presidente garantiu que tem compromisso com os 19 vereadores de seu grupo para que todas as decisões que for tomar devem ter o aval dos que lhe elegeram. “Um dia após o outro foi de muita luta. Devo muito aos 19 amigos que não abandonaram esta luta. Eu tenho compromisso de não fazer nenhum gesto sem discutir com os 19 colegas que estiveram comigo”.

Grupo de Pereirinha comemora vitória.

Pereirinha colocou como seus dois principais objetivos neste último mandato como presidente a implantação do Plano de Cargos e a nova sede da Câmara.

Ele disse que o voto contrário de Sérgio Frota (PSDB) que fazia parte de seu grupo era esperado e que o tucano se justificou na noite anterior. “O Sérgio Frota teve a hombridade de ir até onde estávamos, comunicou as razões, respeitamos a decisão dele. Ele não enganou. Continuarei tendo o mesmo respeito por ele. Eu entendi as razões dele”.

A vereadora Helena Duailibe (PMDB) agradeceu aos votos que teve e à direção do PMDB pelo apoio. Ela disse que findada a eleição todos devem agora trabalhar juntos pela cidade. “Disputa é isso mesmo. Entramos em uma disputa salutar, sem agressões. Conquistamos 11 colegas. Voto é conquista. Agradeço o presidente do diretório municipal do meu partido, Roberto Costa que esteve ao meu lado. Não tenho nenhum arrependimento. A disputa agora acabou”.

Parceria com a prefeitura

Edivaldo e Pereirinha: parceria a partir de agora.

Desde o começo da disputa pela presidência da Câmara, Pereirinha deixava claro aos mais próximos que queria parceria com o prefeito Edivaldo Jr. mas não o chamava para conversar por sua preferência por outro nome. Encerrado o processo eleitoral, os dois devem se unir.
“Nosso desejo é trabalhar junto com o prefeito. Nossa chapa se chamou Resistência e Governabilidade, pois resistiremos às pressões mas aremos total codições de governabilidade ao prefeito Edivaldo Holanda”.

Edivaldo, que sempre desvinculou seu nome da disputa, também reconheceu a independência da Câmara e a vitória de Pereirinha. “A Câmara é independente. Terei uma relação de respeito, diálogo. Fui vereador por dois mandatos. Conheço muito bem como funciona a Câmara”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.