Raimundo Barros dá 10 dias para defesa de Roseana sobre impeachment

Raimundo Barros quer informações da Assembleia e defesa de Roseana para embasar sua decisão

Raimundo Barros quer informações da Assembleia e defesa de Roseana para embasar sua decisão

O desembargador Raimundo José Barros de Sousa expediu ofício nesta quinta-feira (13) dando um prazo de 10 dias para que a governadora Roseana Sarney (PMDB) e o presidente da Assembleia Legislativa, Arnaldo Melo (PMDB) apresentem defesa sobre o pedido de impeachment da governadora. As informações do presidente da Assembleia e a defesa de Roseana servirão de base para decisão.

Barros é relator do mandado de segurança impetrado pelo Coletivo de Advogados que pede a revogação da de Arnaldo Melo de arquivar pedido de impeachment da governadora. O pedido na Justiça foi feito dia 4 de fevereiro denunciando ser um ato “ilegal e abusivo” o arquivamento.

Os advogados pedem o impeachment de Roseana por crime de responsabilidade pelas dezenas de mortes nos presídios maranhenses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *