Candidatos ao governo do Maranhão lamentam morte de Eduardo Campos

Última passagem de Eduardo Campos pelo Maranhão foi há um mês na campanha de Flávio Dino, Roberto Rocha e Eliziane Gama

Última passagem de Eduardo Campos pelo Maranhão foi há um mês na campanha de Flávio Dino, Roberto Rocha e Eliziane Gama

Três candidatos ao governo do Maranhão emitiram nota de pesar pela morte do candidato a presidente, Eduardo Campos. Flávio Dino (PCdoB), Edinho Lobão (PMDB) e Zé Luís Lago (PPL) lamentaram a morte.

Na última passagem pelo Maranhão, Campos participou de caminhada com Flávio Dino e do lançamento da candidatura de Eliziane Gama (PPS). A deputada também emitiu nota de pesar.

O candidato da Coligação Todos Pelo Maranhão, Flávio Dino, divulgou nota de pesar pelo falecimento do ex-governador e candidato à Presidência Eduardo Campos.

NOTA DE PESAR 

Eduardo Campos sempre foi um amigo e companheiro leal. Estou profundamente triste com essa tragédia. A dor por essa perda é tão grande quanto a minha gratidão a ele.

Solidarizo-me, em primeiro lugar, com a mãe de Eduardo, a ministra Ana Arraes, pois bem sei que não há dor humana maior do que a perda trágica de um filho.

Meus sinceros pêsames à esposa e aos filhos, ao povo pernambucano, aos amigos e companheiros dos PSB, do PPS e da REDE. Estamos com vocês em pensamento e orações.

O Brasil perde um grande líder. Nós perdemos uma grande inspiração. Que Deus o receba e console a sua família.

Flávio Dino

—-

NOTA DE PESAR

Eduardo Campos era uma liderança política que fará imensa falta ao debate deste nosso Brasil democrático.

Solidarizo-me com sua família, neste momento de sofrimento, apresentando meus votos de mais profundo pesar.

Senador Lobão Filho / PMDB

NOTA DE PESAR
 
Lamentável fui informado da morte do amigo Eduardo Campos. Não tenho palavras para externar minha consternação com a confirmação do fato. Eu era amigo pessoal do Eduardo, por mais de 30 anos. Parte do meu estudo em medicina foi em Pernambuco e lá sempre me hospedava na casa do seu avó, Miguel Arrais. Participei da convenção nacional do PSB, que homologou a candidatura a presidência de Eduardo Campos e Marina Silva de vice-presidente. Na sua última visita no Maranhão, estivemos juntos no aeroporto, fiz questão de recepciona-lo.
Lamentavelmente perdemos um grande homem da política brasileira. Eduardo Campos representava o futuro, por isso o meu partido, o PPL, acreditava e apoiava sua candidatura e eu também.
Diante desse lamentável fato, decido suspender as minhas atividades de campanha por três dias, em respeito a sua memória.
Zeluis Lago

 

1 pensou em “Candidatos ao governo do Maranhão lamentam morte de Eduardo Campos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *