André Escócio conta mais detalhes da armação contra Flávio à PF

presoEm depoimento à Polícia Federal, o preso André Escócio deu mais detalhes de como foi recrutado, as promessas e como se deu a gravação do vídeo no qual foi seduzido a dizer que Flávio Dino era traficante e chefe de quadrilha. No relato, ele diz que no dia do vazamento do vídeo, foi chamado pelos ex-diretores de Pedrinhas Carlos Aguiar e Elenilson Araújo para que mantivesse o depoimento e que “estariam juntos”.

Com medo por estar envolvido com “gente grande”, André preferiu falar a verdade para não “puxar mais cadeia”.

O detento disse que logo ao prestar o depoimento forjado, foi colocado em uma cela separada em que recebia tratamento diferenciado – acesso a “cigarro, comida e até dinheiro”. A gravação divulgada foi a terceira feita pelos ex-diretores com ele.

Confira aqui a íntegra do depoimento de André à Polícia Federal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.