Thiago Diaz também repudia fala de Bolsonaro sobre assassinado na ditadura

O presidente da seccional maranhense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MA), Thiago Diaz, emitiu nota repudiando a fala do presidente Jair Bolsonaro contra a memória do pai do presidente nacional do OAB. Fernando Santa Cruz, pai de Felipe Santa Cruz, foi assassinado nos porões da ditadura militar segundo atestado emitido pelo próprio governo Bolsonaro. Mas o presidente disse que o grupo que lutava pela democracia ao qual Fernando fazia parte o assassinou.

Thiago Diaz afirmou que a fala do presidente não atinge somente Felipe Santa Cruz, mas a memória de todos desaparecidos políticos da época e a dignidade de seus familiares.

Confira a nota:

Presto, em meu nome e da Advocacia maranhense, solidariedade ao Presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, e as famílias dos desaparecidos políticos, pelo ataque absurdo e sectário que receberam do Presidente da República.

As palavras do Presidente da República não atingem somente Felipe Santa Cruz, mas, também, a memória de todos os desaparecidos políticos e o respeito e dignidade das famílias que nunca puderam enterrar seus mortos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *