A absurda sindicância por vídeo mostrando humanidade e feminilidade de policiais

Parece piada, mas o comando geral da Polícia Militar do Maranhão abriu sindicância para investigar a conduta de sete policiais femininas do estado que gravaram um vídeo e publicaram no aplicativo “TikTok” (confira no blog do Gilberto Léda) em uma mensagem positiva para a corporação.

No vídeo, as policiais fazem uma montagem que está na moda no aplicativo, com passagem e mudança de visual. A montagem passa a ideia de que uma joga o boné da polícia para a outra e elas mudam de visual mostrando que a policial é uma pessoa normal e pode ser muito feminina. Não há nenhum tipo de desrespeito ou desonra à Polícia. Ao contrário, é uma mensagem positiva. As policiais deveriam receber comenda por levar uma boa imagem da polícia do Maranhão para a sociedade.

Mas ao invés disso estão sendo investigadas. O comandante geral da PM, coronal Pedro Ribeiro, deveria se envergonhar da abertura dessa sindicância. A corregedoria deveria gastar muito mais seu tempo e recurso para apurar abuso de autoridade, uso excessivo da força e abordagens desproporcionais. Lamentável.

Confira o vídeo:

4 pensou em “A absurda sindicância por vídeo mostrando humanidade e feminilidade de policiais

  1. Pingback: Caso TikTok: PM diz que procedimento é pelo uso do uniforme para fins privados | Blog do ClodoaldoBlog do Clodoaldo

  2. Pingback: Caso TikTok: PM diz que procedimento é pelo uso do uniforme para fins privados

  3. Pingback: Sindicância contra policiais femininas expõe machismo da corporação - A Carta Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *