Flávio Dino oficializa neutralidade no 1º turno das eleições de São Luís

Flávio Dino não apoiará nenhum candidato no primeiro turno em São Luís

O governador Flávio Dino tornou oficial sua posição em relação à eleição para prefeito de São Luís. Em resposta ao jornal O Imparcial, a secretaria de comunicação e assuntos políticos tornou oficial a neutralidade do governador no pleito – pelo menos no primeiro turno.

“O governador respeitará todos os aliados que o apoiaram em 2018 e, por isso, não adotará nenhuma posição quanto ao 1º turno das eleições em São Luís”, afirma a nota, em resposta a questionamento feito pelo jornal.

Em sua reeleição ao governo nas últimas eleições, Flávio Dino teve apoio de 15 partidos: PCdoB, PT, PDT, PRB (Republicanos), PPS (Cidadania), PTB, DEM, PP (Progressistas), PR (PL), PTC, PPL, PROS, AVANTE, PEN (Patriota), PSB e SD.

Dentro dos partidos que fazem parte do arco de alianças do governador são pré-candidatos a prefeito Rubens Júnior (PCdoB), Neto Evangelista (DEM), Duarte Júnior (Republicanos), Bira do Pindaré (PSB), Yglésio Moyses (PROS), Detinha (PL) e Carlos Madeira (SD).

Vale destacar que o PEN – que virou Patriota – saiu da base de apoio do governo depois que o deputado Aluísio Mendes tomou o controle do partido das mãos de Jota Pinto, que se filiou ao PDT. O Patriota se aliou ao pré-candidato Eduardo Braide, que é opositor ao governador Flávio Dino.

Assim como em 2016, Flávio certamente entrará na campanha no segundo turno. Na última eleição para prefeito ele também ficou neutro no primeiro turno, já que seus aliados Edivaldo Holanda Júnior e Eliziane Gama disputavam o cargo. No segundo turno, entrou de cabeça na campanha de Edivaldo.

1 pensou em “Flávio Dino oficializa neutralidade no 1º turno das eleições de São Luís

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *