Morador de casa de taipa é “dono” de empresa que já recebeu mais de R$ 7 milhões da prefeitura de Colinas

Aluízio teve seus documentos usados para criar empresa que fatura alto em Colinas

Aluízio teve seus documentos usados para criar empresa que fatura alto em Colinas

Um grande escândalo está dando o que falar no município de Colinas (437 km de São Luís). O carvoeiro, Aluízio Silva, morador de casa de taipa, é dono, pelo menos no papel, da empresa L.A TERRAPLANAGEM E CONSTRUÇOES LTDA, que já recebeu mais de R$ 7 milhões em contratos com a prefeitura do município. Só que o carvoeiro garante nunca ter visto um centavo do dinheiro.

Na versão de Aluízio, ele foi procurado em 2014 por um senhor chamado Leonardo César Ribeiro Souza, funcionário de um banco público da cidade e sócio de outra empresa com gordos contratos no município. Aluízio já havia feito serviços para Leonardo e cedeu seus documentos ao então patrão. Quando começou a ter problemas para conseguir emprego já que seria proprietário de uma empresa milionária, Leonardo teria lhe prometido a quota de 1% dos lucros.

Contratos da empresa com a prefeitura de Colinas

Contratos da empresa com a prefeitura de Colinas

Aluízio diz nunca ter tido nenhum acesso aos documentos da empresa e não tem conseguido mais trabalho. “Depois que eles pegaram meus documentos, eles esqueceram de mim e sumiram. Eu estou sem trabalhar, porque minha carteira [de trabalho] ninguém assina. Eu passei mensagem pra ele [Leonardo Souza] pra saber se minha carteira tem algum problema e ele não responde”.

Os contratos da empresa com a prefeitura de Colinas são de estradas vicinais, locação de mão de obra, limpeza pública, construção de fossa e reforma da Farmácia Popular, totalizando R$ 7.792.390,39.

Casa de Aluízio Silva na comunidade Chapadinha, em Colinas

Casa de Aluízio Silva na comunidade Chapadinha, em Colinas

2 pensou em “Morador de casa de taipa é “dono” de empresa que já recebeu mais de R$ 7 milhões da prefeitura de Colinas

  1. Meu amigo pior que tem empresa réu em processo e com impedimentos, com “contratos de fachada”. Essa mesma empresa derrubou a ex-prefeita de Chapadinha Danúbia.
    EXTRATO. TOMADA DE PREÇO N.º 022/2013. TERMO ADITIVO DE PRAZO Nº 004
    EXTRATO. TOMADA DE PREÇO N.º 022/2013. TERMO ADITIVO DE PRAZO Nº 004 RELATIVO AO CONTRATO CELEBRADO ENTRE A PREFEITURA MUNICIPAL DE COLINAS – MA E A EMPRESA M & B CONSTRUÇÕES E SERVIÇOS LTDA, PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO DA COBERTURA DA QUADRA DA ESCOLA U.I. MARIA EDELVES BRANDÃO TORRES, LOCALIZADA NO BAIRRO TRIZIDELA NESTE MUNICÍPIO, REFERENTE À TOMADA DE PREÇO N.º 022/2013. A PREFEITURA MUNICIPAL DE COLINAS – MA, com sede à Praça Dias Carneiro, n.º 402, Centro, CEP: 65.690-000, Colinas/MA, Centro, adiante denominada CONTRATANTE, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica – CNPJ sob o n.º 06.113.682/0001-25, neste ato representado pelo Prefeito Municipal o Sr. Antônio Carlos Pereira de Oliveira, SSP/MA e a empresa M & B CONSTRUÇÕES E SERVIÇOS LTDA estabelecida na Avenida 03, 19 Bairro Maiobão Paço do Lumiar – MA, adiante denominada Contratada, inscrita no CNPJ sob o n.º 13.978.212/0001-90, neste ato representado pelo Sr. Mauricio Reis Louseiro Silva portador da Cédula de Identidade n.º 13262622000-0 SSP-MA e CPF N.º 003.768.223-76, tendo em vista o que consta no Processo Administrativo 4040.2509.0002/2013 e proposta apresentada, que passam a integrar este instrumento, independente de transcrição, na parte em que com este não conflitar, resolvem de comum acordo, aditar o contrato n.º 001.07032014/TP0222013, regido pela Lei n.º 8.666, de 21 de junho de 1993, mediante as cláusulas e condições seguintes: CLÁUSULA PRIMEIRA: DO PRAZO. Fica prorrogado o prazo de execução dos serviços do contrato Administrativo n.º 001.07032014/TP0222013 inicialmente pactuado de 120 (cento e vinte) dias já modificado pelos aditivos de prazo n.º 001, 002 e 003, por mais 270 (duzentos e setenta) dias passando o mesmo a ter sua vigência dentro do novo prazo. CLÁUSULA SEGUNDA: DAS DEMAIS CLÁUSULAS. Quanto às demais cláusulas contratuais, permanecerão as mesmas sem qualquer modificação. E por estarem justas e contratadas, as partes assinam o presente termo aditivo, em 02 (duas) vias de igual teor, na presença de 02 (duas) testemunhas, para todos os fins de direito. COLINAS – MA, em 16 de março de 2016. CONTRATANTE. ANTONIO CARLOS PEREIRA DE OLIVEIRA. Prefeito Municipal de Colinas. CONTRATADA. M & B CONSTRUÇÕES SERVIÇOS LTDA. CNPJ: 13.978.212/0001-90. Representante Legal: Mauricio Reis Louseiro da Silva
    http://www.mpma.mp.br/index.php/lista-de-noticias-gerais/11192-chapadinha-mpma-requer-sequestro-de-bens-de-ex-prefeita-e-quatro-reus
    http://jornalpequeno.com.br/2015/11/25/mpma-requer-sequestro-de-bens-de-ex-prefeita-e-quatro-reus/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *