Para impedir manobra de Roberto Rocha, Bira retira pré-candidatura

bira

O deputado estadual Bira do Pindaré (PSB) teve um gesto nobre em virtude do projeto de sue grupo político. Bira retirou nesta quarta-feira (3) sua pré-candidatura à prefeitura de São Luís. O deputado vinha sendo bem posicionado nas pesquisas e tinha grandes possibilidades de crescer na campanha, mas saiu do páreo.

Mas por que iniciei o texto afirmando ser um gesto nobre se à primeira vista parece um ato de fraqueza e covardia? Explica-se. O senador Roberto Rocha, que tem o controle do partido, vinha chantageando o prefeito Edivaldo para impor seu filho, Roberto Rocha Júnior, como vice na chapa do pedetista. Edivaldo foi firme e não aceitou a indicação. O vice poderia até ser do PSB, mas queria outras opções de nome.

E qual a principal moeda de troca de Roberto para chantagear? Apoio à candidatura própria de Bira do Pindaré pelo PSB. O senador ameaçou que se não emplacasse, iria dar a legenda para o deputado estadual.

Como foi boicotado por Rocha desde que lançou sua pré-campanha, Bira se negou a servir de moeda de barganha e decidiu retirar a pré-candidatura.

Roberto fica obrigado a ir com Edivaldo ou levar o PSB para Wellington do Curso, praticamente matando a chapa de vereadores e deixando o partido sair menor das eleições deste ano.

2 pensou em “Para impedir manobra de Roberto Rocha, Bira retira pré-candidatura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *