O Maranhão é terra de muro baixo! Juiz manda soltar a prefeita ostentação

Lidiane Leite assumiu a prefeitura aos 22 anos

Lidiane Leite assumiu a prefeitura aos 22 anos

Aquela velha máxima dita e repetida pelo ex-deputado Zé Gerardo voltou com tudo nesta semana. “O Maranhão é terra de muro baixo!”. Depois de autorizar o ex-chefe da Casa Civil do Governo Roseana, João Abreu, acusado pelas Polícias Civil e Federal de receber propina de R$ 3 milhões para facilitar pagamentos de precatórios da empresa Constran, agora a Justiça resolveu revogar a prisão da ex-prefeita “ostentação” de Bom Jardim, Lidiane Leite.

Parece até piada, mas infelizmente, não é. O juiz José Magno Linhares Moraes, titular da 2ª Vara da Justiça Federal no Maranhão, revogou, a prisão preventiva da bonitinha.  Lidiane Leite da Silva, de apenas 25 anos estava “presa” desde o dia 28 de setembro, no Quartel do Corpo de Bombeiros, em São Luís. Em um quartinho digno de hotel, a Miss ostentação tinha direito a ar-condicionado, banheiro privativo, televisão, frigobar e visitas dos familiares, bem legal. Ela é investigada de desviar verbas da educação e irregularidades encontradas em contratos firmados com “empresas-fantasmas”, mas a defesa nega que a ex-prefeita tenha praticado os atos.

Hospedagens da Prefeita ostentação no Corpo de Bombeiros

Hospedagens da Prefeita ostentação no Corpo de Bombeiros

De acordo com a decisão, Lidiane será monitorada por tornozeleira eletrônica, devendo comparecer mensalmente a juízo para informar e justificar suas atividades. Um prêmio por ela ser bonitinha e debochada. Ela também está proibida de frequentar a Prefeitura de Bom Jardim e só poderá se ausentar de São Luís, onde decidiu fixar residência, mediante autorização judicial.

Não podemos esquecer que Lidiane é especialista em “escapar” da Lei. Por longos 39 dias ela ficou foragida, mesmo sendo procurada pelas Policias Civil, Militar e Federal. Depois de se entregar a PF, a Miss ostentação, alegou que estava em uma aldeia indígena. Nunca se viu uma índia tão bem tratada, cabelos alisados, bem encorpada e com a pele bem lisinha, não tinha uma muriçoca na tribo.

Ex-secretário João Abreu livre, leve e solto

Ex-secretário João Abreu livre, leve e solto

Por incrível que pareça, a aberração da justiça, não é surpresa por essas bandas. Como disse o Jornalista Jorge Vieira em seu Blog, também não vai surpreender ninguém se devolverem o mandato de Lidiane e ainda pedirem desculpas por ela ter roubado apenas o montante que o Ministério Público e a Polícia Federal afirmam que ela e seu namorado Beto Rocha desviaram.

O caso João Abreu é, talvez, mais revoltante ainda. Uma enormidade de políticos, apaniguados, babões e até desembargadores foram  visitar o detento no Corpo de Bombeiros e prestar solidariedade. E neste momento, o ex-secretário, está curtindo a liberdade e pronto para usar o que a Polícia afirma que ele recebeu por liberar o precatório da Constran.

Eu tenho um amigo paraense que cansa de falar o seguinte: “Santarém, terra de ninguém”. Se lá no Pará, Santarém é de ninguém, como meu amigo amigo diz. O Maranhão será de quem? Parafraseando, novamente, o pensador Zé Gerardo: “O Maranhão é terra de muro baixo”, bem baixo mesmo, quase sem muro.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *