Estudantes já podem consultar vagas do Sisu; inscrições começam dia 24

O Ministério da Educação abriu a consulta de vagas que serão ofertadas em universidades e institutos federais e instituições estaduais por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). A consulta pode ser feita no site do Sisu por curso, instituição e município. Ao todo, são 228.071 vagas 131 instituições públicas.

As inscrições serão abertas feitas na semana que vem e poderão ser feitas do dia 24 ao dia 27 de janeiro. O resultado será divulgado no dia 30. O período de matrícula será de 3 a 7 de fevereiro.

Os candidatos que não forem selecionados na chamada regular para as vagas poderão participar da lista de espera, entre 30 de janeiro e 10 de fevereiro. Esses candidatos serão convocados a partir do dia 16 de fevereiro, caso haja vagas remanescentes.

Notas

O Sisu seleciona os estudantes com base na nota no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Cabe a cada instituição definir o cálculo que utilizará para a seleção dos novos alunos. Para participar do processo, o estudante não pode ter tirado nota zero na redação do exame.

Confira 7 Dicas para aproveitar melhor sua nota do Enem 2015

Psicóloga e orientadora profissional, Anna Kelly Frota, dá dicas de como aproveitar a nota do Enem

Psicóloga e orientadora profissional, Anna Kelly Frota, dá dicas de como aproveitar a nota do Enem

A partir de hoje (08), mais de 7 milhões de brasileiros terão um grande desafio nos próximos dias: a escolhado curso superior. Desse universo de candidatos, têm aqueles cujas decisões estão bem definidas e não restam dúvidas; outros estão indefinidos, ou seja, possuem uma dúvida ou outra; e existe uma parcela que não faz a menor ideia do que fazer com a nota alcançada no Enem.

Segundo a psicóloga e orientadora profissional da Profissio Escolhas e Carreiras, Anna Kelly Frota, existe uma parcela de vestibulandos que ainda não parou para pensar na sua escolha ou só vai fazer essa reflexão quando estiver dentro da faculdade e não gostar do curso; outros que acabam escolhendo o curso por influência dos amigos, dos pais ou porque pesquisaram sobre determinada profissão e vislumbraram como algo possível; e a parcela que não sabe por onde começar e o que avaliar. A psicóloga alerta para a necessidade de estar consciente das decisões que serão tomadas nos próximos dias.

“Esse momento da escolha é um período delicado, pois os jovens estão encerrando uma fase da vida para darem início a outra, então tem muita coisa em jogo. É importante que o jovem tenha um certo tempo e tranquilidade para amadurecer as suas escolhas e analisar todas as variáveis envolvidas. Daí a necessidade do autoconhecimento, da informação profissional e da projeção de futuro, para que o vestibulando possa tomar a melhor decisão possível, dentro do seu contexto atual”, esclarece Anna Kelly Frota.

Com os resultados do ENEM 2015 na mão, o foco agora é o acesso ao SISU (Sistema de Seleção Unificada) e a escolha do curso e da instituição de ensino. Desta forma, vejam 07 DICAS que podem ajudar você, candidato, a fazer a melhor escolha para o seu momento atual.

1)Como escolher seu curso –Alguns candidatos já sabem o que escolherão, outros têm algumas dúvidas, e existem ainda os que não fazem a menor ideia. Com tão pouco tempo, a opção disponível para este último grupo é o mergulho na informação profissional. O candidato pode buscar guias de profissões, vídeos e depoimentos na internet; conversar com profissionais da área de interesse; pesquisar salários, avaliar o mercado de emprego agora e as perspectivas futuras, ou seja, para quando ele estiver concluindo a graduação.Neste caso, o foco é alinhar o máximo de informações possíveis avaliando o seu grau de afinidade com cada uma delas. Caso precise de ajuda, busque um orientador profissional. Na época do Sisu, alguns serviços funcionam em formato de plantão para auxiliar neste momento.Vale ressaltar que, o processo de orientação profissional [para chegar na escolha do curso e carreira seguida] não envolve apenas a informação profissional, mas uma série de outras questões.

2)Não esqueça da instituição! – A escolha da universidade é uma decisão que merece ser avaliada o quanto antes, afinal você passará anos em uma nova “casa”. Como escolher com fundamento? Busque os rankings mais atuais e compare as notas obtidas pelas IES (Instituição de Ensino Superior). Visite o site da instituição e busque depoimentos na internet sobre os benefícios ou não, de estudar lá. Amadureça uma ordem de prioridades para a sua 1ª e 2ª opção. Converse com os responsáveis sobre a possibilidade de morar fora, caso a aprovação seja para outra cidade. O Ministério da Educação (MEC) já disponibilizou online no site do Sisu a relação de todos os cursos e instituições para que os candidatos possam fazer suas buscas antecipadas.

3)Entenda o funcionamento do SISU. Acesse a página do SISU (http://sisu.mec.gov.br/) para avaliar a lista das vagas e grave logo este endereço já que ele será seu companheiro inseparável nos próximos dias. Aproveite para explorar a página, ler edital, as perguntas e as respostas disponíveis no link de dúvidas. Compreender o mecanismo das listas de espera é importante para o candidato. Entender também como funciona o SISU é essencial para os próximos tópicos.

4) Eleja suas possibilidades:ficar ou ir embora? – Ao acessar o SISU, o candidato terá várias possibilidades: de curso, de instituição, de outros cursos, de duas instituições na mesma cidade, etc. No caso de São Luís, o jovem tem duas opções: a Universidade Federal do Maranhão (UFMA) ou Instituto Federal do Maranhão (IFMA). Sendo assim, o candidato precisa listar suas preferências, avaliar contextos e definir a questão de continuar morando em sua cidade ou não.Elencar as prioridades é fundamental, principalmente para quem estiver em dúvida entre dois cursos.

5) Estabeleça estratégias – Como o Sisu tem 1º e 2º chamada, 1º e 2º opção de curso, Lista de Espera, o candidato precisa sim ter algumas estratégias. Por exemplo: o candidato chamado na 1º opção não precisa participar da Lista de Espera, nem há necessidade de participar da 2º chamada. Já o candidato que alcançou uma nota, relativamente baixa para a graduação desejada (mas que por razões financeiras não pode ficar mais um ano no cursinho), pode optar por um curso que possibilite posteriormente, a transferência internapara a graduação de interesse inicial.Portanto, compreender o funcionamento do SISU, ajuda o candidato a traçar suas estratégias. O vestibulando pode buscar orientadores profissionais ou professores de sua confiança para dialogar sobre o assunto e montara estratégia que será adotada.

6) Busque apoio da família e de profissionais–Nesse momento de decisões importantes e, em muito casos, definitivas, é comum que o vestibulando fique angustiado. Afinal, ele é quem vai viver todas as consequências da escolha feita. Por isso, é essencial que ele busque o apoio das pessoas que ele confia. Se na família a pressão está muito grande, ele pode buscar o apoio externo em professores, que se tornam referência e amigos nesse processo. O orientador profissional também é um ator importante para conversar e auxiliar os vestibulandos

7) Estou muito confuso(a) e pensando se este é o melhor momento – O SISU acontece duas vezes ao ano. Os candidatos que fizeram o Enem 2015, podem concorrer tanto as vagas doSISU do 1º semestre, quanto as do 2º semestre (menos concorridas, mas não significa dizer que são mais fáceis). Porém, se o vestibulando está muito confuso e não tem certeza sobre o curso, é aconselhável que ele espere e estude um pouco mais para entrar faculdade. O ideal é que ele esteja consciente da sua decisão e de que estará fazendo o melhor para o seu momento atual.

Estar em dúvida e mesmo assim optar por um curso com a mentalidade de que pode abandonar no futuro, caso não se identifique, gera ônus tanto para o Estado, quanto para o candidato. Hoje, a evasão é um dos maiores problemas do ensino superior brasileiro, uma vez que tira a possibilidade de outro candidato estudar, além de gerar prejuízos financeiros para as instituições. Portanto, evitá-la também é uma responsabilidade social do vestibulando.

 

UFMA informa que matrículas estão sendo realizadas normalmente

ufma_9O Sindicato dos trabalhadores do terceiro grau no Maranhão (Sintema), em greve, havia aprovado em assembleia a suspensão das matrículas do Sisu na Universidade Federal do Maranhão. Nesta segunda-feira (22) a UFMA emitiu nota informando que as matrículas estão sendo realizadas normalmente em todos os Campi.

Em São Luís, as matrículas para semestre de 2015, estão acontecendo no Centro de Convenções, localizado atrás do Centro Pedagógico Paulo Freire e nos demais campus do continente, nas secretarias acadêmicas. As matrículas acontecerão até o dia 24, quarta-feira, das 9 às 12 horas e das 14 às 18 horas.

Na sexta-feira (18), a UFMA já havia anunciado que buscava uma nova data para matrícula com o Ministério da educação, mas contornou a situação com os grevistas.

Os manifestantes reivindicam reposição de 27,3% no piso salarial, a realização de concurso público para preenchimento de todas as vagas em aberto, a devolução e repasse de verbas para a UFMA, além do reposicionamento dos aposentados e pensionistas no Plano de Carreiras da categoria são algumas das principais reivindicações do movimento.

Ainda assim, na página do Sintema, ainda existe uma convocação para ato de suspensão de matrículas no Centro de Convenções.