Com bebida e cachorro, Nelsinho Piquet infringe leis ambientais nos Lençóis Maranhenses

O jornal Folha de São Paulo publicou reportagem demonstrando que o piloto Nelsinho Piquet estaria cometendo infrações ambientais durante visita aos Lençóis Maranhenses, e ainda divulgando nas redes sociais.

Nas publicações do piloto, ele aparece com o cão Bob, e com bebida alcóolica em uma boia no formato de unicórnio como pano de fundo.

Vale lembrar que o parque dos Lençóis é uma área de preservação ambiental administrada pelo ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade) é do que o piloto vem sendo acusado após postar as imagens na região. Muitas delas vêm com a georreferência do parque nas grafias em português e inglês (“National Park Lençois Maranhenses”).

Perfis associados ao piloto Nelsinho Piquet sugerem infrações no Parque Nacional Lençóis MaranhensesAs normas para visitação do parque são claras. O turismo ecológico é permitido, mas uma portaria de 2017 do ICMBio, órgão do Ministério do Meio Ambiente, regulamenta como ele deve ser feito. Entre os vetos: “Venda, porte e consumo de bebidas alcoólicas e drogas ilícitas”, “trânsito de veículo motorizado sobre o campo de dunas livre”, “entrada de animais domésticos” e “entrar no Parque Nacional em quadriciclos, motos, bugres, bem como realizar enduros e/ou rallys”.

Há retratos que sumiram das redes sociais após internautas questionarem o uso do espaço. Caso da foto com a boia de unicórnio e duas garrafas da cachaça de Nelsinho, vendida pela internet por cerca de R$ 60.

A assessoria de imprensa do piloto diz que desde o início de 2019 ele é proprietário de um lote em condomínio em Santo Amaro (MA), município colado à unidade de conservação.

“Como todos os condôminos do local, ele e seus vizinhos são associados à entidade Amigos do Parque e têm autorizações válidas para uso de veículos no Parque Nacional —salvo no quadrilátero chamado ‘Zona Proibida’, na área central do Parque.”

As autorizações seriam emitidas pela Prefeitura de Santo Amaro “e válidas para os UTVs e carro de Nelson Piquet Jr., bem como para o helicóptero de seu amigo que aparece nas imagens em questão”, segundo a nota.

Perfis associados ao piloto Nelsinho Piquet sugerem infrações no Parque Nacional Lençóis Maranhenses

Convênio entre Governo do Estado e Hospital do Câncer Aldenora Bello já chega a R$ 13 milhões

Flávio Dino entregou novo aparelho de radioterapia ao Hospital Aldenora Bello. Investimento de convênio chega a R$ 13 milhões

Mais um fruto da parceria entre Governo do Estado e Fundação Antonio Dino, que mantém o Hospital do Câncer Aldenora Bello, foi entregue nesta quarta-feira (22). O novo Acelerador Linear, inaugurado com a presença do governador Flávio Dino, vai ampliar o tratamento de pacientes oncológicos em tratamento de radioterapia no Maranhão. A soma dos convênios do Executivo Estadual com a Fundação já ultrapassa os R$ 13 milhões.

O aparelho moderno foi adquirido graças ao convênio com o Governo do Estado, que viabilizou apoio financeiro no valor de R$ 5 milhões. Flávio Dino lembrou que além da aquisição do equipamento, foi preciso ainda construir o espaço adequado para atender os pacientes e com bloqueador de radiação.

O Governo do Maranhão possui dois convênios com o hospital, um deles é através da destinação da emenda dos 42 deputados estaduais para a operacionalização de serviços ambulatoriais, serviços de apoio e diagnóstico, cirúrgicos e de internação. Juntos, os valores ultrapassaram R$ 8,5 milhões.

“Nós tivemos perto de R$ 13 milhões em convênio com o Governo do Estado, que nos possibilitou muita coisa, inclusive abertura de SPA (Serviço de Pronto Atendimento) e o governador acabou de falar, que pretende continuar essa parceria que nos deixa muito felizes porque nosso compromisso é com o povo do Maranhão”, destacou o vice-presidente da Fundação, Antônio Dino Tavares.

Durante o evento, Flávio Dino destacou o esforço que a atual gestão vem fazendo para enfrentar o problema de tratamento de câncer, herdado do histórico descaso com a Saúde Pública do Maranhão. “Para a atenção a pessoas em tratamento de câncer, temos atendimento em Imperatriz e Caxias, em São Luís, um hospital com atendimento exclusivo ao câncer desde outubro de 2017, e apoiamos também instituições privadas, como o exemplo do Aldenora Bello, que tem um papel fundamental”, pontuou o governador, que ainda lembrou: “Temos ainda uma obra do Governo em parceria com o Ministério da Saúde, também de ampliação da radioterapia de modo que além dos passo já dados no passado nós temos, nesse ano de 2020, muitas conquistas importante para que essa doença possa ser um enfrentamento mediante uma ampla união”.

Cano quebrado desperdiça água e moradores ficam desabastecidos em Alcântara

Um cano localizado bem próximo da principal bomba de abastecimento está quebrado e jorrando água ininterruptamente no município de Alcântara. Segundo relato de moradores ao Blog, há bairros que estão há três dias e outros a quatro dias sem abastecimento.

O cano fica localizado no povoado Peital e o encanamento que passa por ele abastece grande parte da cidade.

O Blog entrou em contato com a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) e foi informado que o sistema já foi desligado para a correção do problema. Segundo a Caema, o serviço será encerrado o mais breve possível.

Nota da Caema:

Wellington já admite buscar outro partido para concorrer à prefeitura de São Luís

Depois das seguidas falas do presidente do PSDB, Roberto Rocha, deixando claro que o projeto do partido é a eleição de Eduardo Braide a prefeito de São Luís, o deputado estadual tucano e pré-candidato Wellington do Curso, admitiu publicamente pela primeira vez, que pode deixar a legenda para poder concorrer.

em entrevista à TV Guará, Wellington já admite mudar de partido. “Caso não seja possível pelo PSDB, eu vou procurar outra legenda para que eu possa sair candidato a prefeito de São Luís”, afirmou.

Com a primeira declaração pública de que pode deixar o partido, Wellington demonstra que não tolerou mais as seguidas manifestações de Rocha em favor de outro pré-candidato.

Líderes evangélicos preparam Semana Maranhense de Retiros Culturais

Mais de 100 representantes de diversas denominações evangélicas da Região Metropolitana de São Luís participaram nesta terça-feira(21/01) de reunião realizada pela Comissão Organizadora da Semana Maranhense de Retiros Culturais 2020.

A Semana Maranhense de Retiros Culturais é realizada há 14 anos e é amparada pela Lei 8.904/2008 que reconhece a arte evangélica como cultura e que é de autoria de Eliziane Gama. O evento é uma realização das Igrejas Evangélicas do Maranhão, Governo do Estado e Prefeitura de São Luís.

Segundo a parlamentar, esse é um momento que a juventude cristã se reúne todos os anos para aprender mais da Palavra de Deus, louvar ao Senhor e também realizar manifestações artísticas e culturais como teatro, música e dança.

Esse ano o tradicional encerramento da Semana Maranhense de Retiros Culturais será realizado na Quarta-feira de Cinzas com bandas e cantores maranhenses e nacionais, como Priscilla Alcantara, Forró Fogo e Glória, banda de pagode Marcados, além da banda americana Christafari, referência no reggae cristão no mundo.

Sá Marques agradece Carolina Estrela pela limpeza do estádio Venezão

O vereador Sá Marques agradeceu à Presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana de São Luís, Carolina Estrela, pela limpeza do campo Venezão, no bairro da Alemanha. Também fez um agradecimento especial ao seu assessor, identificado como André.

O estádio que atende não só a Alemanha, mas os bairros vizinhos e estava em um estado deplorável de sujeira. Após a solicitação do vereador, o Comitê Gestor atendeu prontamente a solicitação, realizando a limpeza completa nesta quarta-feira (22).

 

Nota de Roberto Rocha ataca Flávio Dino, mas reafirma aliança com Braide e escanteio a Wellington

Após a imprensa maranhense constatar o óbvio das falas do senador Roberto Rocha de que ele estava levando o PSDB para o palaque de Eduardo Braide e consequentemente enterrando a pré-candidatura de Wellington do Curso, o senador divulgou uma nota na qual reafirma tudo e apenas ataca o governador Flávio Dino e a imprensa como se algo tivesse sido deturpado de sua fala.

Roberto reafirma o que disse na entrevista ao jornal O estado do Maranhão: o PSDB tem posta a pré-candidatura de Wellington do Curso, porém, o projeto político do partido visando 2020 e 2022 é a aliança entre PSDB e Podemos. Mesmo com o discurso de que não disse se a aliança se dará no primeiro ou segundo turno, na entrevista, Roberto foi cristalino sobre a sua estratégia: quanto menos candidaturas, mais chance de Braide vencer no primeiro turno. Não existe outra conclusão lógica que não seja a de que Wellington não será candidato para que o aliado vença já no primeiro turno.

Agora, roberto Rocha coloca a culpa de sua revelação em Flávio Dino, pelotões de fuzilamento e pistoleiros digitais.

O senador pode enxergar milhares de moinhos de vento, mas mesmo na sua nota “desmentindo” o tal ataques destes moinhos, reafirma que seu candidato a prefeito de São Luís é Eduardo Braide e ponto.

MPF denuncia Gleen sem ter sido investigado; Flávio Dino diz que este é mais um “terraplanismo jurídico”

Mesmo sem ter sido investigado nem indiciado, procurador denunciou Gleen por entender que cometeu crime ao orientar hacker para que apagasse as mensagens

O Ministério Público Federal em Brasília denunciou nesta terça-feira (21) sete pessoas sob acusação de envolvimento no hackeamento de mensagens de autoridades como o ministro da Justiça, Sergio Moro, e o procurador Deltan Dallagnol, coordenador da Lava Jato em Curitiba.

Entre os denunciados está o jornalista Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, que recebeu os diálogos da Lava Jato e os publicou por meio de uma série de reportagens.

Glenn não foi investigado nem indiciado pela Polícia Federal, mas o procurador Wellington Oliveira entendeu que ficou demonstrado, em um áudio encontrado em um computador apreendido, que o jornalista orientou o grupo de hackers a apagar mensagens.

A Justiça, agora, avaliará se aceita ou não a denúncia proposta pelo Ministério Público.

O governador do Maranhão, Flávio Dino, se manifestou nas redes sociais de maneira contrária a manifestação do órgão ministerial. “Muito difícil sustentar juridicamente uma ação penal contra direitos constitucionais atinentes ao sigilo de fonte no jornalismo e contra uma liminar do Supremo. Parece mais um terraplanismo jurídico, que está em moda nesses tempos de trevas”.

BR-135: buracos se multiplicam no trecho entre Miranda do Norte e Alto Alegre

A equipe de reportagem do Jornal Pequeno percorreu a BR-135 constatando o péssimo estado da rodovia. Se o trecho de Miranda do Norte e Alto Alegre do Maranhão ainda está com, o restante da viagem é um pesadelo. A BR-135 está esburacada, malconservada, e com sinalização precária. Não há, sequer, acostamento.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), em 2019, ocorreram 25 acidentes na BR-135, no trecho entre Miranda do Norte e o povoado Caxuxa, em Alto Alegre do Maranhão. Do total de acidentes, 13 foram graves, e em quatro deles houve mortes.

“É vergonhoso. Há muito tempo estamos percebendo que as condições da estrada só pioram. Venho uma vez por mês, mas co imaginando quem tem que passar por esta BR todo dia. Já perdi um pneu, ao passar por um buraco, neste trecho da rodovia. É muito indigno. Isso não é respeitoso”, armou a terapeuta Maria Klamas, que seguia de Matões do Norte a São Mateus.

O que existia de obra era feita por populares na sexta-feira passada, dia 17. No povoado Alto da Cruz, em Matões do Norte, Welison Leitão retirava piçarra, com o auxilio de uma pá, da vegetação que ca ao lado da pista. Ele entupia os buracos na estrada, com o material recolhido. Welison, na companhia de Cleiton de Sousa Gomes, um garoto de 13 anos, disse que costumam fazer este serviço todas as manhãs, na expectativa de ganhar alguns trocados de motoristas, que estejam passando pelo local.

De acordo com a pesquisa da Confederação Nacional de Transporte (CNT) de 2019, no Maranhão, 21,2% das BRs estão em péssimo estado, e 15% em estado ruim. Enquanto percorria esta estrada, a equipe de reportagem do JP não encontrou um único serviço de manutenção do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Mas se deparou com uma infinidade de buracos, ondulações no asfalto, remendos, sinalização apagada e placas encobertas pelo mato.

Flávio Dino se reúne com FHC e defende frente ampla contra Bolsonaro

Flávio Dino, FHC e e o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite

O governador do Maranhão Flávio Dino (PCdoB) esteve reunido hoje no iFHC com o ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso e o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite.

Dino esteve no sábado num encontro com o ex-presidente Lula e, na ocasião, foi muito elogiado por ele. Entre outras coisas, Lula disse que tinha “orgulho em contar com o apoio e solidariedade de um homem do Direito que, de quebra, teve a coragem de abandonar a toga pra fazer política”. A frase foi uma provocação clara ao juiz Sérgio Moro, que o condenou e depois se tornou ministro da Justiça de Bolsonaro.

Dino já é dado no PCdoB como pré-candidato à presidência da República. Seu governo no Maranhão é muito bem avaliado e conta com uma ampla frente de partidos que inclui o PSDB.

Dino tem defendido que para derrotar Bolsonaro será necessário criar uma frente ampla e a visita a FHC e Lula em questão de dias parece ser um sinal do quão ampla ele imagina que deva ser esta frente.

O governador também esteve na redação de O Estado de S. Paulo e foi a um encontro da Vetor Brasil, onde participou de um debate com o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite.

Com essa movimentação, Dino vai construindo e ocupando um espaço de centro-esquerda que até o momento estava reservado ao PT e a Ciro Gomes.

Brasil 247