Othelino lamenta morte de subtenente da Polícia Militar e pede celeridade na investigação do caso

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB), na sessão plenária desta terça-feira (19), lamentou a morte do subtenente da Polícia Militar, Israel Silva, que exercia suas funções no Gabinete Militar do Parlamento Estadual. O Plenário da Casa também fez um minuto de silêncio em homenagem ao militar, a pedido do deputado Neto Evangelista (DEM).

Othelino Neto cobrou celeridade na elucidação do caso, a fim de que sejam encontrados e punidos os responsáveis pelo assassinato do subtenente Israel Silva, 51 anos, ocorrido no último sábado (16).

O parlamentar afirmou que telefonou imediatamente ao secretário Jefferson Portela, assim que foi informado do ocorrido pelo coronel Jinkings, chefe do Gabinete Militar da Assembleia.

“Reforcei, ontem, o pedido à Secretaria de Segurança Pública para que faça os esforços necessários e com a urgência que o caso requer para encontrar os dois assassinos e, também, descobrir as circunstâncias do fato, se foi realmente latrocínio, para que possa colocar esses dois elementos fora do convívio social, tanto pela vida que se perdeu, como também pelo exemplo que este episódio deve dar ao Estado”, disse Othelino Neto.

O subtenente Israel Silva exercia suas funções no Gabinete Militar da Assembleia Legislativa como Auxiliar do Oficial de Serviço de 24 horas.

Na sessão, os deputados Neto Evangelista (DEM), Dr. Yglésio (PROS) e Rildo Amaral (Solidariedade) também lamentaram o ocorrido.

Honorato afirma que é claro interesse do PT Nacional na aliança com Weverton

O presidente municipal do PT, Honorato Fernandes, concedeu entrevista ao programa Ponto e Vírgula na noite desta terça-feira (19). O ex-vereador de São Luís falou sobre a discussão em torno de candidatura própria e alianças do Partido dos Trabalhadores nas eleições do ano que vem.

O dirigente partidário lembrou que a aliança com o senador Weverton não é uma posição isolada dele, como disse Felipe Camarão, mas uma construção de projeto defendida por muitos petistas inclusive pelo único prefeito do partido, Luizinho do Amovelar, de Coroatá, além de ser o projeto nacional.  “Se você parar pra conversar um pouquinho com as lideranças nacionais, você vê claramente que o interesse é de aliança com o senador Weverton no Maranhão”.

Honorato também desfez a fake news de que o senador Weverton teria mandado fazer busdor com a imagem do presidente Lula para demonstrar força. Ele revelou que ele é o presidente da CUT são os autores da peça e o senador não tem nada a ver.

“Esse é um outdoor que foi fruto de uma articulação minha com o Manuel Lages, presidente da CUT. É posição nossa pessoal. Então, se a crítica vem, não deve ser para o senador Weverton mas para nós”, pontuou.

Felipe Camarão avisa Brandão que candidatura é pra valer e clima fica mais tenso

O secretário estadual de Educação Felipe Camarão esteve reunido ontem com o vice-governador Carlos Brandão, acompanhado dos petistas Chico Gonçalves e Augusto Lobato. Eles foram informar que a pré-candidatura de Camarão ao governo era mesmo pra valer e ele iria para a disputa sob qualquer circunstância. O secretário achou que como a ala que o apoia já havia se manifestado em favor de Brandão, seria correto comunicá-lo pessoalmente do novo posicionamento.

O vice-governador ouviu atentamente as razões de Felipe, disse que respeitava a intenção do secretário, mas lembrou de forma elegante que a partir de abril o governo será dele e ele também terá toda legitimidade de concorrer á reeleição, inclusive montando o governo de acordo com o que for melhor para ele.

Apesar da conversa em clima de chá inglês, os recados nas entrelinhas foram duros e os petistas saíram da reunião sabendo que Brandão não está gostando nada da candidatura e vai pra cima deles quando assumir o governo.

Bandidos tentam dar golpe usando nome da Senadora Eliziane Gama

A assessoria da senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) divulgou, nesta segunda-feira, nota pública informando que a parlamentar está sendo vítima de golpe por criminosos.

Segundo o alerta, o golpista se passa por sua assessoria ligando e enviando mensagens para gabinetes e prefeituras usando a imagem da senadora.

“Alertamos a todos que o mandato da senadora não promove nenhum tipo de doação, intermediação, solicitação de bens, serviços ou dinheiro de qualquer espécie”, diz trecho da nota.

“Informamos que a senadora Eliziane Gama está sendo vítima de criminosos que se passam por sua assessoria na tentativa de aplicar golpes em seus contatos.

O golpista está ligando ou enviando mensagens para os gabinetes e prefeituras usando a imagem da parlamentar.

Alertamos a todos que o mandato da senadora não promove nenhum tipo de doação, intermediação, solicitação de bens, serviços ou dinheiro de qualquer espécie.

ALERTAMOS para que não repassem dados pessoais, senhas, depósitos ou informações de qualquer espécie.

A senadora já registrou o boletim de ocorrência, tomou as medidas legais e informou a Polícia Legislativa sobre o ocorrido.

Atenciosamente,

Equipe da senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA)”

Vinícius Louro diz que foi o governo que colocou o PL na oposição

Nesta terça-feira (19), em entrevista ao quadro Bastidores, do Bom Dia Mirante, o deputado estadual Vinícius Louro, do PL, confirmou que o partido está na oposição ao governo Flávio Dino (PSB) na Assembleia Legislativa.

Vinícius justificou que o rompimento se deu pelo tratamento dado aos deputados do partido.

“Conversamos bastante sobre a postura dos deputados do PL na Assembleia Legislativa e realmente fica inviável, hoje, mediante o que vem acontecendo no estado do Maranhão, o PL continuar na base do governo estadual”, destacou o parlamentar.

A decisão foi tomada após reunião com o presidente estadual da sigla, deputado federal Josimar Maranhãozinho e os demais membros da bancada. Segundo ele, o próprio governador que forçou o rompimento.

“Não são os deputados do PL que estão indo para a oposição, e sim a forma e o tratamento do governo que nos colocou na oposição”, comentou.

TCE pode multar 51 câmaras municipais por deixarem de informar órgão sobre sua estrutura e funcionamento

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-MA), por meio de sua Secretaria de Fiscalização, já abriu os procedimentos relativos à aplicação de penalidades às 51 câmaras municipais que não responderam ao questionário aplicado pelo órgão sobre a estrutura e funcionamento dos legislativos municipais.

São eles: Água Doce do Maranhão, Amapá do Maranhão, Bacuri, Barão de Grajaú, Belágua, Bequimão, Bernardo do Mearim, Bom Jardim, Buriti, Buritirana, Cachoeira Grande, Cajapió, Cajari, Centro Novo do Maranhão, Formosa da Serra Negra, Governador Edison Lobão, Guimarães, Jatobá, Lagoa Grande do Maranhão, Lajeado Novo, Luís Domingues, Magalhães de Almeida, Marajá do Sena, Matinha, Matões do Norte, Milagres do Maranhão, Mirador, Nova Iorque, Olho d’Água das Cunhãs, Olinda Nova do Maranhão, Passagem Franca, Peritoró, Poção de Pedras, Presidente Médici, Primeira Cruz, Santa Quitéria do Maranhão, São Benedito do Rio Preto, São Bernardo, São Domingos do Maranhão, São João Batista, São João dos Patos, São Raimundo das Mangabeiras, São Roberto, Satubinha, Senador La Rocque, Sítio Novo, Sucupira do Norte, Timon, Turiaçu, Tutóia e Vargem Grande.

A corte de contas encerrou, no final do mês passado, a primeira etapa do levantamento, passando agora à etapa de análise dos dados e consolidação do relatório final. O objetivo é conhecer as comissões existentes nas câmaras, assim como sua atuação no planejamento do município.

Além das que estão inadimplentes com o questionário, 21 câmaras respondentes deixaram de encaminhar as planilhas com os dados cadastrais dos vereadores: Alto Alegre do Maranhão, Bacurituba, Barreirinhas, Benedito Leite, Cândido Mendes, Carutapera, Central do Maranhão, Estreito Godofredo Viana, Imperatriz, Jenipapo dos Vieiras, Lima Campos, Miranda do Norte, Mirinzal, Pastos Bons, Pinheiro, Santa Rita, São Raimundo do Doca Bezerra, Sucupira do Riachão, Urbano Santos e Vitória do Mearim.

Uma vez que é obrigatório o fornecimento das informações ao TCE, os responsáveis pelas câmaras inadimplentes ficam sujeitos à aplicação de sanções administrativas previstas em lei e ao pagamento de multa de R$ 2 mil.

O levantamento ainda está em análise, no entanto, chamou atenção o fato de que, dos 166 respondentes, 128 afirmaram regulamentar os prazos do processo orçamentário em suas leis orgânicas, e apenas 74 informaram possuir comissão mista de orçamento. Quanto à participação popular, 116 câmaras informaram realizar audiências públicas e 95 informaram realizar levantamento das necessidades da população para subsidiar a apreciação e aprovação das peças orçamentárias.

Depois de concluída, a análise do questionário passará por um procedimento de validação. Os resultados obtidos no levantamento subsidiarão as ações do TCE-MA em relação a normativos, orientações e capacitações destinadas às câmaras municipais.

Considerando o cronograma para encerramento da ação, as câmaras inadimplentes poderão regularizar sua situação até a próxima sexta-feira (22/10). Ao término desse prazo, serão autuados os processos de multa, conforme determina a IN TCE/MA nº 69/21.

Dúvidas poderão ser sanadas por meio dos whatsapp corporativos: 2016-6131 e 2016-6174.

Flávio Dino afirma que sai do governo na data limite: 2 de abril

Nem antecipar a saída e nem ficar no mandato até o final para fazer o sucessor. O governador Flávio Dino deixou claro em sua passagem por Caxias neste final de semana que tem data certa para o final de seu governo: dia 2 de abril, data limite para a desincompatibilização de quem vai concorrer a mandato nas eleições do ano que vem. O governador será candidato ao senado.

Assim, acabam as especulações, embora a pressão fosse grande dos aliados do vice-governador Carlos Brandão para que Flávio deixasse o governo logo em janeiro e o vice pudesse começar a usar a máquina para fazer sua pré-campanha para o governo do estado. O atual chefe do executivo não quis saber de perder o poder daqui a praticamente dois meses.

Flávio também confirma que não vai abrir mão da candidatura ao senado para fazer o sucessor sentado na cadeira do governo. A hipótese dele fica no governo e tentar eleger Felipe Camarão também cai com o anúncio.

O governador vai ficar o tempo máximo que pode na cadeira e tenta ter o máximo de influência na sua sucessão, cada vez mais fora do seu controle pela liderança nas pesquisas e força política do senador Weverton e o empacamento do vice-governador, que ainda anda furioso com a colocação do governo todo à disposição do projeto Felipe Camarão, apagando ainda mais o tucano.

Clayton Noleto visita obras em Timon e recebe apoio de populares

O secretário de Estado de Infraestrutura, Clayton Noleto, cumpre uma agenda extensa em todo o Maranhão.

Na última sexta-feira (14), o secretário visitou a cidade de Timon, onde a Sinfra tem realizado ao longo dos anos inúmeros investimentos.

Clayton Noleto, em entrevista concedida à TV Band Piauí, mostrou um panorama das principais obras realizadas no Maranhão que impulsionam diversas áreas e promovem o desenvolvimento.

Ao lado do deputado Rafael Leitoa e demais lideranças o secretário cumpriu uma série de compromissos, entre elas, a visita ao Parque Ambiental de Timon, o Ginásio Carlos Jansen, o Colégio Militar Tiradentes, e visitou à antiga estação ferroviária, na Av. São São Luís.

Com isso, cada vez mais o secretário Clayton Noleto tem se destacado pelo trabalho e compromisso com a população maranhense.

Centro de vacinação contra covid da UEMA é fechado com retorno das aulas presenciais

A gestão municipal de São Luís informou neste domingo (17) que o centro de vacinação contra covid-19 na Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) será desativado a partir desta segunda-feira (18).

Na instituição de ensino funcionava tanto o centro de vacinação comum como no drive-trhu. As duas modalidades se encerram com o retorno das aulas presenciais na Universidade.

São Luís já está bem próximo da marca de 700 mil pessoas vacinadas com a segunda dose ou a vacina de dose única.

Edivaldo faz pré-campanha em Chapadinha, Buriti, Anapurus, Brejo e Mata Roma

O ex-prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Junior (PSD), iniciou na quinta-feira (14) mais  uma intensa agenda de visitas ao interior do estado para fortalecer a sua pré-candidatura ao governo do Maranhão. Desta vez o pessedista, acompanhado do presidente estadual da legenda, deputado federal Edilázio Junior, percorreu municípios da região do Baixo Parnaíba, onde tem recebido apoio de lideranças de vários segmentos.

Em Chapadinha, 246 km distante da capital maranhense e primeiro município visitado, Edivaldo foi recebido por um grupo de lideranças políticas, entre as quais o Presidente do Diretório Municipal do PSD, Denilson Lira, o advogado Dr. Ormanne Fortes e o vereador Netinho. Ele também aproveitou a sua passagem pelo município para visitar e dialogar com ex-prefeitos e ex-deputados, além de participar de eventos com segmentos empresariais, lideranças religiosas e profissionais liberais.

Em Buriti, o ex-prefeito da capital maranhense recebeu o apoio do atual vice-prefeito, Jenilson Gouveia, do vereador Toinho Frances, além de se reunir com produtores de soja da região.

Em Anapurus, a ex-prefeita Tina Monteles reuniu o seu grupo político em grande ato para declarar apoio a Edivaldo. Participaram do evento o presidente municipal do PSD e ex-candidato a prefeito, Julio César; o ex-prefeito Pedro Santos; o vereador Reizinho Costa; o vereador Tiago e o ex-vice- prefeito de Mata Roma, Gustavo Corrêa; entre outros líderes da cidade e região.

Neste sábado (16), Edivaldo cumpre agenda de visita nos municípios de Brejo e Mata Roma, onde diversas lideranças das duas cidades reafirmarão apoio à pré-candidatura do pessedista, entre os quais o atual presidente da Câmara Municipal de Brejo, Junior Moraes; vereador Tiago e o ex-vice-prefeito de Mata Roma, Gustavo Corrêa.