O pesado clima que espera Eliziane dentro do PSB

Eliziane na CPI da Petrobras -  Foto Robson GonçalvesO Partido Socialista Brasileiro no Maranhão (PSB) já deu o tom de como a recepção da deputada estadual Eliziane Gama, caso insista com a ideia de entrar no partido. André Poeta, militante do movimento Negro e atual secretário estadual de Juventude do PSB, já encaminhou até carta publicada em vários blogs maranhenses em que repudia a entrada de Gama e sugere que ela conheça e respeite as bases e o projeto que o partido tem para São Luís e para Maranhão.

Indesejada no PSB, a parlamentar insiste em “rasgar” a Rede, que ela mesma criou, para viabilizar o projeto pessoal de ser candidata a prefeita de São Luís contra o prefeito Edvaldo Holanda Jr.

O que os socialistas ainda não perceberam é que para viabilizar uma candidatura de peso, a deputada, ao invés de cuidar de um programa sério de governo, trabalha única e exclusivamente para minar o projeto do PSB, que aposta no nome deputado Bira do Pindaré para ser candidato a prefeito da capital.

Com promessa de “nova política”, Gama insiste em repetir as mesmas práticas da velha e temida política autoritária – velha conhecida dos coronéis. Não à toa, gente ligada ao prefeito Ribamar Alves, preso recentemente acusado de estupro, defende não apenas a entrada de Eliziane no PSB, como garantem apoio a eleição dela caso saia candidata.

País dividido: protesto gera conflito na Praça Maria Aragão

confusaopixuleco

O dia de protestos na Praça Maria Aragão acabou com briga entre manifestantes contra o PT e pró-PT. A confusão começou quando os petistas furaram o boneco “pixuleco”, uma caricatura do ex-presidente Lula vestido de presidiário.

O secretário estadual de Esportes, Márcio Jardim, também estava na confusão. Depois que os petistas driblaram o cordão de isolamento e furaram o “pixuleco”, o confronto começou e a polícia teve que intervir.

A confusão demonstrou o quanto o país está dividido. A tendência é de mais confrontos, principalmente no próximo dia 13, quando os manifestantes anti-PT prometem ato maior.

Jornalista acusa Fábio Câmara de agressão; vereador nega

tagideBlog da Silvia Tereza – A vice-presidente da Fundação Ulisses Guimarães, jornalista Tágide França, denunciou a um grupo de jornalistas, na manhã desta quarta-feira (03), uma suposta agressão física que teria sofrido por parte do vereador Fábio Câmara (PMDB), presidente do diretório municipal do partido, durante evento do PMDB na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MA).

A suposta agressão teria acontecido durante a palestra do vice-presidente da República, Michel Temer, sobre o tema “Constitucionalidade”. A Fundação Ulisses Guimarães estava na organização do cerimonial e Fábio Câmara não gostou do fato de não ter sido chamado, como presidente do Municipal, para compor a mesa do evento que estava sendo assessorado por Tágide France. Tudo começou por aí.

O vereador se irritou porque não foi chamado para compor a Mesa e teria ido tomar satisfação com a assessora, responsabilizando-a por isso. Segundo Tágide, neste momento, o vereador a atingiu com três pancadas fortes no braço.

Tágide, que também exerce a função de assessora de imprensa do PMDB e estava na organização do evento, disse que levaria a suposta agressão sofrida como queixa à Delegacia da Mulher para que o vereador responda pelo ato.

O outro lado

O blog procurou a Assessoria de Imprensa do vereador Fábio Câmara para ouvir o outro lado também. Segundo a assessoria, não teria havido a tal agressão. Apenas uma discussão acirrada em que ambos apresentaram seus argumentos, normalmente, em relação à organização do evento.

Isaías Rocha disse ainda que Tágide France vai ter que provar que sofreu a agressão física, fazendo o exame de corpo e delito. E disse que a acusação é caluniosa porque não haveria indícios de violência.

Crise no PMDB

Esse episódio pode ter sido também um reflexo da crise interna em que vive hoje o PMDB, dividido entre o grupo Ricardo Murad/Roberto Costa e o grupo João Alberto/Sarney/Fábio Câmara.

Os ânimos andam bastante acirrados no PMDB por conta de disputa interna de poder e da sucessão municipal. O partido tem como pré-candidatos à Prefeitura de São Luís Andrea Murad, que tem o apoio de Roberto Costa, e Fábio Câmara que contaria com as bênçãos do senador João Alberto.

Pelo jeito, muitos episódios polêmicos ainda estão por vir no PMDB.

Reincidente: Maura também fez confusão no palanque de Luís Fernando

foto 2

Mais um briga por fala! Maura Jorge disse pra Raimundo Louro: “quem manda aqui sou eu”

A prefeita Maura Jorge é mesmo acostumada a brigar por causa de fala em palanque. Em evento do então pré-candidato a governador Luís Fernando Silva. Com toda a sua prepotência, Maura Jorge brigou com o deputado Raimundo Louro porque ela queria falar mais do que os outros.

Eu quero saber se eu também vou discursar, porque estava combinado que nenhum deputado discursaria”, questionou Louro.

“Olha Raimundo Louro, eu te respeito, mas fica sabendo que aqui em Lago da Pedra quem manda é eu”, respondeu Maura Jorge, apontando o dedo na cara de Louro.

“Aqui você não discursa, aqui você não discursa, quem manda aqui sou eu”, respondia a prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge sempre gesticulando o dedo na altura do bigode de Louro. A discussão foi ferrenha e presenciada por todos, e chamou a atenção das autoridades que estavam no palco.

Veja a matéria da confusão na época no Blog do John Cutrim.

confusaomaura

Eleição para conselheiro tutelar é marcada por tumultos

conselho

Tumulto durante votação para Conselheiro Tutelar

As eleições para novos conselheiros tutelares na capital foram marcadas por denúncias de muita confusão, falta de organização, violência e vandalismo. Em alguns colégios eleitorais a segurança foi insuficiente e eleitores foram impedidos de votarpor que o nome não constava na lista.
Segundo denúncias, em algumas áreas onde existem polos do Conselho Tutelar Municipal, os nomes de eleitores não constavam na lista de quem desejava votar. Muitas pessoas assinaram seus nomes numa ata, sem terem o voto registrado.
Foram registrados tumultos nos bairros da Cidade Operária, Alemanha, Cohatrac e na Zona Rural – onde, segundo denúncias, houve tentativa de assalto, intimidação e vandalismo. O voto está foi feito em cédulas de papel sem nada para garantir a privacidade dos eleitores ou impedir a adulteração dos resultados.
231 candidatos se inscreveram para concorrer a cinco vagas em cada uma das dez áreas na capital, destes cerca de 220 estão considerados aptos a participar da eleição. Em São Luís temos 10 áreas de atuação, totalizando 50 para as seguinte regiões: Itaqui-Bacanga; Alemanha/Centro; Coroadinho/ João Paulo; Cidade Operária/Cidade Olímpica; Vila Luizão/Turu, Zona Rural; São Cristóvão/São Raimundo e nas áreas que serão implantados conselho no próximo ano: Cohab-Cohatrac; Anil-Bequimão e São Francisco-Cohama.

Confusão em estacionamento de Shopping ocorreu em Pernambuco

Por meio do Whatsapp, tem sido espalhado um vídeo de uma confusão dentro de um estacionamento de Shopping, como se este tivesse ocorrido no Rio Anil, em São Luís. Um homem atira o carro em cima de outro após bate boca.

Na verdade, a confusão ocorreu de fato no sábado, véspera do dia dos Crianças. Mas não foi em São Luís. A confusão foi no shopping RioMar, no Recife-PE. Quase o homem atropela duas pessoas.

Confira o vídeo da matéria de O Estado de Pernambuco:


 

 

Confusão no concurso do TRT da 16ª Região

estaciosaoluisNa Faculdade Estácio São Luís a confusão foi grande durante a aplicação do Concurso Público para provimento de cargos de TRT da 16ª Região. Os candidatos que não fizeram a prova prometem ir à Justiça em busca da anulação do certame.

Os candidatos reclamaram do intenso calor e dificuldade de respiração nas salas abafadas. O problema da falta de condições ocorreu nas salas entre 250 e 261. Aproximadamente 100 candidatos saíram das salas. Ainda teve muito bate-boca porque os candidatos não podiam deixar o local de prova antes do horário previsto. Após a liberação, muitos foram para a delegacia fazer Boletim de Ocorrência.

A prova ainda vai gerar muita confusão. Muitos fizeram a prova na Estácio e em meio à confusão, houve entra e sai da sala de realização da prova e nas turmas onde estava Alguns candidatos relatam que houve entrega da prova em horários diferenciados em virtude do problema. Nas salas com problema, a entrega de provas teria ocorrido duas horários depois do horário iniciado nas demais salas.

A instituição que organiza o Concurso é a Fundação Carlos Chagas.

Confusão do PT chega no diretório municipal de São Luís

ptAgora é o diretório municipal de São Luís que está sob júdice. A confusão que está estabelecida no diretório estadual do PT maranhense conseguiu atingir a eleição municipal, que também foi suspensa e será resolvida no tapetão pelo diretório nacional.

O presidente da Comissão de Organização Eleitoral (COE), Ivaldo Coqueiro, explicou que o problema na capital foi desencadeado pelo problema da estadual. Como a Secretaria Nacional de Organização (SORG) decidiu que não seria realizada a eleição de segundo turno para o diretório estadual.

O grupo ligado ao candidato Henrique Souza não aceitou a decisão e disse que não aceitaria também a votação unicamente para o diretório municipal na capita. A Executiva municipal de PT, refez as cédulas eleitorais somente com os nomes de Fernando Magalhães e Jaob, que deveriam disputar o segundo turno. Mas as alas petistas não-alinhadas ao grupo de Raimundo Monteiro não aceitaram. “Com todo este clima de incerteza, foi adiada também a decisão sobre o diretório municipal de São Luís. Assim, a situação será também remetida ao diretório nacional, que já teria que resolver o problema da estadual e terá também que resolver o problema da municipal”, afirmou Coqueiro.

Confusão na compra de ingressos para jogo do Sampaio

Jogo do Sampaio: muita procura e pouco ingresso de meia.

Jogo do Sampaio: muita procura e pouco ingresso de meia.

Hoje é o único dia para compra de meia-entrada para o jogo entre Sampaio Corrêa e Macaé (RJ), neste sábado (19/10). A procura foi grande e rapidamente acabaram os ingressos de meia-entrada. Houve confusão por conta da falta de meia-entrada na bilheteria do Castelão e uma vidraça foi quebrada. Foi reservado apenas 30% dos ingressos de meia-entrada e a maioria ficou nas mãos dos cambistas.

O jogo do Sampaio será decisivo na busca pelo acesso à série B do Brasileirão. Caso passe pelo Macaé e chegue às semifinais, o Tricolor já estará na segunda divisão. O jogo da volta será dia 26 deste mês.

 

Direito de Resposta ao advogado Hugo Farias

hugofariasO blog publica a carta enviada pela esposa do advogado Hugo Farias, Danielly Farias, sobre o episódio envolvendo a guarda municipal (relembre). Vale frisar no texto publicado por este blog, foi deixado claro que houve excesso tanto do advogado quanto da guarda municipal.

A esposa de Hugo diz que o marido sofreu ofensas raciais e de preconceito econômico antes de falar sobre o salário dos guardas.

Com as versões dos dois lados publicadas, o blog dá o assunto por encerrado. Agora, cabe à Justiça resolver quem está errado. A opinião do blog continua a mesma: os dois lados se excederam.

Segue a carta de Danielly Farias:

“90 % das OFENSAS MORAIS que o Dr. Hugo Farias sofreu, eram de caráter PRECONCEITUOSO E ECONÔMICO. Sempre mencionei o fato de que as ofensas VERBAIS, MORAIS, que Hugo sofreu foram bem maiores que quaisquer outras agressões físicas, falei aqui desde o começou da indignação e do deboche com que os guardas municipais trataram Hugo no que se refere a camisa da marca TOMY que ele usava na noite de 5 de outubro de 2013!!!
Os guardas, como fica MUITO CLARO no vídeo, puxam Hugo todo tempo pela camisa, o que o fez reclamar, alegando que sua camisa seria rasgada!!!! Logo em seguida, os GUARDAS MUNICIPAIS, começaram a lançar piadas e gracejos relacionados especificamente com a MARCA DA CAMISA E O FATO DE HUGO, de acordo com os guardas municipais, NÃO TER “CARA” DE ADVOGADO E USAR UMA CARTEIRA DA OAB FALSA!!!! Eles falaram que poderiam SIM rasgar a camisa de meu marido, pois já que ele era “OAB” ele poderia comprar outra, quem não poderia seriam eles (os guardas), pois ganhavam só R$ 2.000. Hugo então fala que se eles estavam insatisfeitos, eles que fizessem outro concurso, em seguida os GUARDAS continuam debochando e jogando mil piadas quanto ao fato de Hugo ser um homem negro que ” se intitula” advogado, eles não queriam aceitar de maneira nenhuma o fato de Hugo está inscrito na ordem!!!! Os puxões na camisa são constantes, isso não É MENTIRA, TÁ NO VÍDEO!!!! E toda vez que puxavam a camisa de Hugo, falavam que se rasgasse, como Hugo era “um OAB ” ele comprava outra… camisinha de marquinha… OAB pau no cú!!! então Hugo disse q não tem culpa se a cueca dele paga o salário dos guardas, o que os deixou com mais raiva ainda!!!! Um guarda, que na filmagem está bem agressivo e aponta o dedo com gesticulações bem violentas em direção ao Hugo, chegou a questionar se Hugo “lá tinha dinheiro pra comprar outra camisa daquelas????????”, falou novamente que ele NÃO TINHA CARA DE ADVOGADO, COM O MAIOR TOM DE DEBOCHE E SARCASMO!!!! É ÓBVIO QUE O ORGULHO DO MEU MARIDO FICOU FERIDO, É CLARO Q ELE SE SENTIU PEQUENO E HUMILHADO!!!! Até hoje me pego pensando, QUAL SERÁ A CARA QUE UM ADVOGADO TEM? LOIRO, DE OLHOS AZUIS ???!!???!!!! ????
Então quer dizer que HUGO pode ser questionado pela sua cor da pele, acusado de portar uma carteira da OAB FALSA, e ter um DIPLOMA COMPRADO, TER OUVIDO MIL XINGAMENTOS, ter APANHADO por querer defender um hippie e não pode responder com deboche tbm??????? ME DIGAM QUE SER HUMANO AGUENTA TANTA HUMILHAÇÃO??????????????????

A voz de prisão não foi dada nessa hora, e sim, após, quando nós já íamos saindo e um guarda disse pro “oab” tomar no c.. e já veio puxando novamente a camisa, falando piadinhas dela!!!! Sendo assim, ao contrário do que eles afirmam, a prisão não foi na hora que Hugo respondeu aos deboches e sim quando já íamos embora e eles arrancaram Hugo da mão do PM, E VEJAM BEM, mesmo se fosse na hora do deboche, continuaria sendo uma prisão arbitrária, pois anteriormente ele já havia sido atacado e humilhado com palavras que ele mesmo já me confessou, que NUNCA esquecerá!!! Então quer dizer que vivemos em uma ditadura, podemos OUVIR MIL HUMILHAÇÕES e isso não será abuso de poder, mas se ousarmos responder, será desacato??? PARA MIM ISSO É UMA HIPOCRISIA DAS GRANDES!!!!!!!”

Danielly Farias