Política maranhense em notas

Deputados pró-impeachment mantêm cargos 

hildoitaparyO deputado estadual Zé Inácio criticou duramente os deputados federais pró-impeachment que sequer entregaram seus cargos no governo federal. “São deputados que não tiveram ou não têm a hombridade, o senso ético de dizer: entrego aqueles cargos que um aliado meu ocupa no estado, isso ocorre e ocorreu em vários estados. A partir de agora eu peço que seja exonerado. Talvez a hombridade e ética não estejam em seus dicionários, mas era o mínimo que eles deveriam fazer.”, criticou. Zé Inácio lembrou os cargos que possuem Cléber Verde (Incra) e Hildo Rocha (DNIT e EBC). Zé Inácio afirmou que a luta continuará pela democracia. Nunca é demais lembrar que o aliado de Hildo é o responsável pela buraqueira da BR-135, Maurício Itapary (foto).

Bira pede novas eleições

biraO deputado estadual Bira do Pindaré (PSB) conclamou por novas eleições diretas para presidente. Para ele, ao invés de debater o mérito, os deputados federais transformaram a sessão em eleição indireta para presidente da república. Para ele,  é necessário resgatar a luta pelas ‘Diretas Já’ para assegurar ao povo o direito de escolher o seu presidente, já que as pesquisas confirmam a rejeição do vice Michel Temer para o cargo de Presidente.

O preço da incoerência

dilmatemerNunca é demais lembrar o preço da incoerência das alianças do PT. Tudo, claro, em nome da governabilidade, que fez o partido se aliar a partidos como o PMDB. A coligação que elegeu Dilma tinha PT, PMDB, PSD, PP, PR, PROS, PDT, PCdoB e PRB. Na hora da verdade, só quem esteve com o governo foram os partidos que tem ideologia como PCdoB. Até o PSOL, que é oposição, mas que não vota com a direita, votou com Dilma. A governabilidade mata mais um governo de esquerda.

Gastão lamenta traição do PROS

gastaoDurante o ato no qual o PROS declarou apoio à pré-candidatura do prefeito Edivaldo à reeleição, o presidente do FNDE, Gastão Vieira, se mostrou extremamente constrangido com a traição dos deputados do PROS, sendo que quatro dos seis deputados do partido votaram a favor do impeachment da presidente Dilma. Ele lembrou que sua indicação foi acertada pelos membros da bancada com a presidente, justamente atrelado à votação do impeachment. “A presidente tem todo direito de me demitir. Foi feito um acordo. E quando eu vi a votação, o líder do meu partido foi o primeiro a votar contra o governo. Depois continuaram os demais”. E disse que servia de exemplo para seus filiados no Maranhão: “Partido tem que ter posição e comando. Acordos são feitos para serem cumpridos”.

Erro estratégico com voto frágil I

IMG-20160415-WA0002Houve um erro estratégico muito grande na articulação do governador Flávio Dino pelo voto do deputado Zé Reinaldo Tavares. Era público e notório que Reinaldo não queria votar contra o impeachment. Quem acompanhou a conversa que selou o voto viu Zé Reinaldo dizer um “sim” bem fraco a Flávio, mas ainda com aquela cara de quem “comeu e não gostou”. Parecia extremamente contraído. O voto já estava muito frágil e quando Reinaldo soube que um secretário estadual ainda ficou tirando onda contando vantagem do voto, se irritou de vez e fez o que fez.

Erro estratégico com voto frágil II

vistoriaobrasO governador Flávio Dino fez todos os movimentos corretos antes. Mas deveria ter ficado em Brasília articulando para garantir os votos que tinha e talvez conseguir até mais votos. Ele se deixou levar pela conversa tola de que “o governador fica em Brasília e não trabalha pelo Maranhão”. Veio para o estado vistoriar obras para dar satisfação. O povo reconhece que Flávio é o governador do Bolsa Escola, do Mais Asfalto com recuperação de milhares de quilômetros de estrada, do Escola Digna, do concurso para professores, reajustes e antecipação de pagamento de salário para funcionários, etc. Ninguém com o mínimo de coerência diz que Flávio não trabalha. Errou em cair no discurso da Mirante e não ficar em Brasília.

Ato em defesa da democracia

atodemocraciaO “Ato em Defesa da Democracia e da Constituição” será realizado na Assembleia Legislativa do Maranhão (Calhau), às 18h. Os deputados federais da bancada maranhense que votaram contra o impeachment serão homenageados durante o ato. O governador Flávio Dino faz questão de homenagear e agradecer aos deputados do Maranhão que votaram contra o golpe, pelo respeito à Constituição e à democracia.

PDT Também fará ato

Convite Ato PDT pela DemocraciaO PDT do Maranhão fará, nesta quarta-feira (20), na sede do partido, um ato pela democracia e contra o golpe. O encontro contará com a presença do presidente do Diretório Estadual do PDT, Weverton Rocha, de lideranças da sigla, de movimentos da legenda, entre eles, Juventude Socialista, Ação da Mulher Trabalhista, Movimento Negro, e Movimento Popular de Ação e Cultura.

Voto coerente: José Reinaldo finalmente faz o pacto com Sarney

Por Raimundo Garrone

Roseana feliz da vida com o voto de Zé Reinaldo favorável ao impeachment

Roseana feliz da vida com o voto de Zé Reinaldo favorável ao impeachment

O ex-governador José Reinaldo Tavares poderia ter sido mais honesto ao justificar o seu voto favorável ao impeachment da presidente Dilma, e não pedir desculpas ao governador Flávio Dino  com a conversa furada de que não poderia votar em quem perseguiu o seu governo e cassou o mandato do ex-governador Jackson Lago.

Ora, como dizer que não pode votar em quem lhe fez tanto mal, exatamente favorecendo quem realmente tudo isso lhe causou ?

Ou será que não foi Sarney que perseguiu o seu governo inviabilizando no Senado o empréstimo de US$ 30 milhões ?

Ou será que não  foi Sarney que utilizou de sua força no governo federal para impedir que ministros viessem ao Maranhão ?

Ou será que não foi Sarney que arquitetou e financiou o golpe contra Jackson Lago no TSE ?

Concordo com os que dizem que Zé Reinaldo foi coerente.

Realmente ele foi. Mas foi com sua tese apresentada em 2015 sobre a necessidade de um pacto com Sarney, que retomaria o poder com a posse de Temer e poderia prejudicar o governo Flávio Dino e a população do estado, assim como fizera com o seu.

Não era mais simples dizer que iria votar pelo Maranhão ?

O pior foi citar Jackson Lago para justificar o seu voto, quando o próprio PDT, liderado pelo maranhense Weverton Rocha,  fechou questão contra o golpe homenageando exatamente Lago, Brizola, e Neiva Moreira, os fundadores do partido.

Ou será que foi o PDT quem traiu a memória do ex-governador ao votar contra o impeachment ?

Internautas detonam Zé Reinaldo por voto a favor do golpe

O voto do deputado federal Zé Reinaldo Tavares (PSB) a favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) surpreendeu a muitos maranhenses. Nas redes sociais, a mudança no voto na última hora gerou muitas críticas dos internautas. A fama de “traíra” voltou a assombrar Zé Reinaldo, uma vez que ele havia acordado com o governador Flávio Dino o voto contrário ao impeachment.

Alguns internautas aplaudiram e apoiaram a decisão de Zé Reinaldo. Mas a maioria criticou o ex-governador. No Twitter, a internauta Luciene Amorim ironizou a homenagem a Jackson Lago com o voto de Zé Reinaldo. “Zé Reinaldo, que bela homenagem ao Dr.Jackson,colocando o PMDB e Sarney novamente no poder!!”, lamentou a internauta.

Os internautas também não esqueceram o fato de Zé Reinaldo ter sido preso em uma armação da Roseana Sarney (Operação Navalha). Agora, ajudou a votar em favor de um governo que terá Roseana Sarney como ministra.

zereinaldoreperc1zereinaldoreperc2zereinaldoreperc3reperczereinaldo4reperczereinaldo

UFMA atende pedido de Zé Reinaldo e indica professores para conhecerem metodologia do ITA

Deputado José Reinaldo Tavares, Reitora Nair Portela e professores da UFMA

Deputado José Reinaldo Tavares, Reitora Nair Portela e professores da UFMA

A Universidade Federal do Maranhão indicou dois professores de seu quadro para conhecerem a dinâmica e metodologia do Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA), na cidade de São José dos Campos (SP). A indicação atende a um pedido do deputado federal José Reinaldo Tavares (PSB) e do Brigadeiro Nivaldo Rossato, comandante nacional da Aeronáutica e faz parte de uma das primeiras ações para a implantação do curso de Engenharia Aeroespacial do ITA no Maranhão.

Foram indicados os professores Allan Kardec Duailibe Barros Filho e Areolino de Almeida Neto, que é ex-aluno do Instituto. De acordo com Zé Reinaldo, que luta para que o Instituto seja implantado no Maranhão, os dois professores irão conhecer a metodologia e dinâmica dessa que é considerada uma das maiores escolas de engenharia do mundo.

“Conseguir a instalação de um ITA no Maranhão representará um grande feito para a educação do nosso Estado e poder fazer isso com uma parceria com a UFMA irá ajudar a avançar ainda mais a educação do nosso Estado”, explica Zé Reinaldo, que na última semana esteve na UFMA conversando com a Reitora Nair Portela. “A UFMA está sempre aberta a iniciativas importantes e inovadoras como essa, que buscam incentivar e fortalecer a Educação em nosso Estado”, comentou a reitora.

PROFESSORES INDICADOS
Areolino de Almeida Neto
Doutor em Engenharia Aeronáutica e Mecânica pelo Instituto de Tecnologia de Aeronáutica- ITA/Universitat Hannover e Mestre em Engenharia e Mecânica Instituto de Tecnologia de Aeronáutica- ITA

Alan Kardec Duailibe Barros Filho
Doutor em Information Engineering pela Universidade de NagoyaMestre em Information Enginering – Toyohashi University of Tecnology

Zé Reinaldo fecha questão e vota contra o impeachment de Dilma

IMG-20160415-WA0002

O ex-governador Zé Reinaldo Tavares (PSB-MA) definiu seu voto e será contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT).

Zé Reinaldo era o último da bancada maranhense indefinido, claro que algum deputado ainda pode mudar de opinião até domingo (17).

Com a articulação do governador Flávio Dino, Zé Reinaldo definiu votar contra o golpe que está sendo instaurado no país.

Política maranhense em notas

Pedro Fernandes contra o impeachment

pedrofernandesA bancada do PTB na Câmara Federal oficializou a posição majoritária a favor do impeachment da presidente Dilma. Mas a própria presidente do partido, deputada Cristiane Brasil (RJ), anunciou quatro dissidentes, entre eles, o maranhense Pedro Fernandes. Ela justificou apenas que os deputados não acompanhariam o voto majoritário por questões locais. A presidente disse também que a posição de Fernandes e dos demais favoráveis a Dilma seria respeitada e não haveria punições.

Votos de Zé Reinaldo e Victor Mendes

victorzereinaldoAs maiores incógnitas entre os deputados maranhenses com relação ao impeachment são os deputados Zé Reinaldo (PSB) e Victor Mendes (PSD). O ex-governador é ferrenho crítico do governo Dilma, mas sobre impeachment já foi e voltou muitas vezes em sua opinião. Até domingo, Zé Reinaldo pode votar em qualquer hipótese. O PSD está muito dividido e Vistor Mendes aproveita para valorizar o passe.

Hildo Rocha e Alberto Filho

albertohildoApesar de ter se mantido calado, a imprensa nacional já contabiliza o voto de Alberto Filho (PMDB) como favorável ao impeachment. Com o voto favorável, a bancada do PMDB maranhense fica divida, com Alberto a favor e João Marcelo contra. Hildo Rocha, faz de conta que está em cima do muro e lançou até uma enquete. Mas como aliado de primeira hora de Eduardo Cunha, é praticamente certo que Rocha votará a favor do impeachment.Assim, a bancada maranhense fica com 9 a favor, 7 contra e 2 indecisos.

Mulher de Canindé desiste de candidatura

canindeeesposaO Blog do Domingos Costa trouxe a informação de que a pré-candidata a vereadora Sônia Canindé, esposa do secretário de trânsito e transporte, Canindé Barros, não será mais candidata. Filiada ao PTC, ele anunciou apoio à reeleição do vereador Astro de Ogum e concentração na reeleição do prefeito Edivaldo. Decisão mais do que acertada. Se existe a desincompatibilização justamente para equilibrar a disputa, não seria correto Canindé ficar na secretaria tendo a sua disposição uma enorme estrutura tendo a esposa candidata. Situação diferente da secretária de Saúde Helena Duailibe, que já é vereadora eleita com ampla votação e seu marido dará continuidade.

Saída de Câmara favorece Rose

fabioroseUm fator interessante na pesquisa Escutec é a base eleitoral semelhante que possuem os vereadores Rose Sales e Fábio Câmara. Oposicionistas natos os dois atuam no mesmo nicho. Quando o nome de Câmara é substituído por Andrea Murad, Rose absorve a grande maioria dos votos do colega. Na pesquisa sem João Castelo e Bira, Rose passa de 7,8% para 8,8%, ultrapassando Wellington do Curso e sendo a terceira colocada. Sem Bira e Castelo, as pré-candidaturas de Rose, Fábio e Wellington ficam apequenadas. Assim, se nenhum dos dois pré-candidatos com maior potencial de terceira via estiver no pleito, qualquer um dos três pode ascender.

Indignação com injustiça

marciojerryO secretário de Comunicação e Assuntos Políticos, Márcio Jerry, demonstrou sua indignação com o processo do impeachment conduzido por Eduardo Cunha, acusado de vários crimes, contra a presidente Dilma. “Muita gente que hoje embala o processo de Cunha, tenho certeza, se envergonhará perante a história. Ainda bem que impeachment não passará. Acinte deixar Eduardo Cunha impune e querer condenar a presidente Dilma, que crime algum cometeu. Realmente indignante”, afirmou o secretário em uma rede social.

Falta de energia

caçambaenergiaUma caçamba perdeu o controle e derrubou três postes no Jaracaty nesta quarta-feira (13). Por conta do acidente, o próprio bairro e parte do Centro Histórico ficaram sem energia elétrica. A equipe da Companhia energética do Maranhão (Cemar) estava trabalhando no local para o retorno da energia.

Política maranhense em notas

Bloco da oposição melou

andrearobertoNão saiu o Blocão da oposição na Assembleia legislativa. Com a briga de foice entre Andrea Murad e Adriano Sarney pelo comando do Bloco, a maioria do PMDB decidiu não entrar na barca furada. O líder do PMDB na Assembleia, Roberto Costa, afirmou que o partido irá formar bloco apenas com o PROS. O motivo, segundo Costa, não seria a desavença, mas uma questão técnica para indicação de membros na Mesa e nas comissões.

Dobradinha e racha

A definição do Bloco do PMDB de hoje deixou duas situações expostas: a briga dentro do Clã Sarney protagonizada pelos herdeiros e a aliança – ainda que circunstancial – entre Andrea Murad e Roberto Costa, antes rivais ferrenhos na Assembleia. Como este Blog já tratou, Roseana quer diminuir o poder Sarney Filho e Adriano Sarney. Para tal, alia-se com Ricardo Murad e sua filha. De quebra, interessado no jogo, Roberto Costa se une, circunstancialmente a Andrea. Complicado? Mas existem mais meandros nesta teia que logo serão revelados.

Leitoa tenta tomar liderança do Blocão

rafaelleitoaApesar do governador Flávio Dino ter dito que gostaria da continuidade de seus dois líderes (Rogério Cafeteira como líder do governo e Eduardo Braide como líder do Blocão), o pedetista Rafael Leitoa se articula para tomar o posto. A articulação é para que o novo Blocão seja composto por PDT, PCdoB, PSDB, PEN, PRB, PSL, PT, PTdoB, PTC, Solidariedade, PMN, PSDC. Leitoa não pode esquecer que ele é suplente. Bira do Pindaré retorna até o final de março para o cargo e tira Fernando Furtado. Aí, basta Neto Evangelista retornar, que Leitoa dança.

Jurandy Theophilo vence eleição da AJE

DSCN0128_chapa_vitoria_1A chapa Atualiza, encabeçada por Jurandy Theophilo, venceu as eleições de mandato 2016/2018, para a diretoria da Associação dos Jovens Empresários do Maranhão (AJE-MA). O grupo saiu vitorioso sobre a chapa Somos Todos AJE, liderada por Jaqueline Moucherek, em pleito ocorrido durante a última sexta-feira (29), na sede da Associação Comercial do Maranhão (ACM-MA). O placar contabilizou 67 votos contra 60 vencidos, e apenas um voto nulo, totalizando 128 votantes entre 132 eleitores aptos a participarem.

Zé Reinaldo diz uma coisa e depois desdiz

zereinaldoE mais uma vez o ex-governador Zé Reinaldo fala ou escreve uma coisa e depois desdiz. O titular deste Blog estava presente quando o ex-governador em uma conversa com jornalistas falou que estava praticamente fora do PSB e que ainda estava analisando uma nova legenda para se filiar. O deputado federal disse apenas que existia ainda uma pequena possibilidade de continuar. Depois, foi a O Estado do Maranhão e disse que foi “invenção”. Na mesma conversa com jornalistas na sexta-feira (29), Zé Reinaldo também afirmou que seu apoio a Eliziane Gama é irreversível. Ou seja, como o PSB deverá ter candidatura própria, deverá buscar outro caminho. Ora bolas!

Número de homicídios cai 25%

O mês de janeiro de 2016 apresentou queda de 25% no número de homicídios registrados na Região Metropolitana de São Luís em comparação ao mesmo período do ano passado. De acordo com dados do relatório mensal elaborado pela Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP-MA), enquanto em 2015 foram 84 ocorrências desse tipo, janeiro teve uma diminuição para 63, número que em 2014 foi de 87 homicídios. Considerando o número crescente que o estado apresentou nos últimos dez anos, quando a taxa de homicídio cresceu 330%, segundo o Ministério da Justiça, a queda observada na região metropolitana é expressiva.

Rubens Jr., Weverton e Zé Reinaldo articulam transporte Timon-Teresina

20160120050903Intermediado pelo deputado federal Rubens Pereira Jr. (PCdoB-MA) ocorreu na manhã desta quarta-feira (20) na Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), uma reunião para buscar soluções para a crise do transporte público de Timon – Teresina.
Com a presença do prefeito de Timon, Luciano Leitoa, dos deputados José Reinaldo (PSB) e Weverton Rocha (PDT), além do prefeito de Teresina, Firmino Filho, o presidente da ANTT Jorge Bastos se comprometeu a buscar uma solução para o problema do transporte público entre as cidades do Maranhão e Piauí.
Foi constituído que a solução para o problema do transporte entre Timon e Teresina será resolvido com um consórcio entre essas duas cidades e que será conveniado pela ANTT, não sendo descartada uma nova licitação para isso. “Com a licitação haverá uma melhora significativa do transporte interestadual entre Timon e Teresina. Fico feliz em ter ajudado”, destacou Rubens.
Entenda o caso
 
O clima entre o transporte público das empresas que operam em Timon e Teresina está elevado. Já houve reunião com os representantes das empresas de ônibus 2 Irmãos e Timon City – esta última foi proibida de rodar na capital do Piauí, após liminar da Justiça Federal.
A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) foi solicitada pela Justiça a realizar uma licitação para regularizar o transporte público entre Teresina e Timon. Pelo fato de não ter acontecido a licitação, a Timon City conseguiu determinação da justiça para rodar na capital piauiense, mas a empresa 2 Irmãos derrubou a liminar. Desde então o clima segue tenso nas duas cidades, com a população sem o transporte de qualidade que almeja.

No segundo dia como governador, Brandão recebe políticos

Foto2_KGE_ Carlos Brandão recebe deputados federais e lideranças políticas

O governador em exercício, Carlos Brandāo, recebeu visita de cortesia de deputados federais e lideranças políticas nesta terça-feira (05), no Palácio dos Leões. Os deputados federais Eliziane Gama, José Reinaldo Tavares e Juscelino Filho, além de lideranças políticas como Weverton Rocha e Luís Fernando Silva discutiram junto ao governador em exercício as necessidades mais urgentes para garantir desenvolvimento a todos os maranhenses.

O vice-governador Carlos Brandão assumiu o comando do Estado nesta segunda-feira (04), por ocasião de afastamento temporário do governador Flávio Dino. Ao assumir o comando do Estado, Carlos Brandão afirmou que dará prosseguimento a todos os projetos liderados por Flávio Dino e continuará cumprindo, com coerência e firmeza, o plano de Governo para os próximos anos no Maranhão.

Política maranhense em notas

Dutra entrevistado no Avesso

dutraVale a pena ver o programa Avesso, da TV Guará, nesta terça-feira (1º). O entrevistado é o ex-deputado Domingos Dutra, que é pré-candidato a prefeito de Paço do Lumiar. Dutra fala sobre o que está achando do governo Flávio, com impressões boas ou ruins, mas criticou muito o abrigo que está sendo dado pelos partidos governistas às viúvas da oligarquia. “Na hora que a gente vê partidos como PDT, PSDB que estão sendo refúgio dos ‘rabujos’ da família Sarney, eu recorro novamente ao Jackson: na eleição de 2006 houve uma briga generalizado dos partidos que apoiavam o Jackson, quando chegou na cassação ninguém estava lá pra defender o Jackson”. O programa vai ao ar às 22:45, na TV Guará, canal 23.

Zé Reinaldo é duro contra Rocha

zereinaldorobertoEm artigo publicado no Blog do Waldemar Ter (leia aqui), o deputado federal Zé Reinaldo foi duro contra o senador Roberto Rocha por ele não conhecer a cultura do partido, “um partido de base em sindicatos rurais, em que ninguém manda e tudo é resolvido coletivamente por votação das instâncias partidárias”. Reinaldo também criticou a falta de senso do senador, que mesmo vendo a platéia entusiasmada pedindo Bira candidato a prefeito de São Luís, preferiu lançar-se candidato e por falta de conhecimento da cultura do partido, tomou uma sonora vaia. Quando a Oligarquia apostava em um conluio de Roberto e Zé Reinaldo contra Flávio Dino, o ex-governador vem com um balde de água fria nos planos.

Família Julinho perdida

julinhoO ex-prefeito de Ribamar, Julinho, e seu filho, que concorreu à prefeitura do município em 2012, resolveram se filiar ao PMDB. A estratégia é confrontar o pré-candidato Luís Fernando (PSDB), que hoje é aliado do governador Flávio Dino. Júlio Filho, ainda muito jovem, poderia chegar à prefeitura em breve dentro do grupo. Uma estratégia mais inteligente seria compor com Luís Fernando em uma negociação para apoiar o tucano a outro cargo para que deixe logo a prefeitura e descolar mais da imagem do pai. Agora, Júlio Filho consegue aglutinar em torno de si grandes rejeições: a oligarquia Sarney, a desgaste do pai na cidade e o afastamento do governo Flávio.

Rodrigo Valente aproveita

rodrigovalenteA filiação de Júlio Filho e Julinho foi a desculpa que o ex-secretário de Articulação Política de Roseana Sarney, Rodrigo Valente, esperava para deixar a barca da oligarquia e se reaproximar de Luís Fernando. Valente também ensaiava uma candidatura à prefeitura de Ribamar, mas sem condições de concorrer com o tucano, e com a entrega do PMDB para a família Julinho em Ribamar, se desfiliou do partido e fez juras de amor ao favorito nas eleições ribamarense, afirmando que faz parte do “grande grupo chamado Luís Fernando”. É o besta!

Audiência por antecipação negada 

plenariocamaraA vereadora Rose Sales (sem partido) tentou aprovar uma audiência pública para debater projeto que ainda nem chegou na Câmara Municipal para ser discutido. O projeto que ela queria debater por antecipação diz repeito a mudanças no zoneamento. E mais, a Lei Orgânica do Município já determina a realização de audiência. A proposta ainda está sendo aperfeiçoada e a Procuradoria do município vem realizando audiências. Quando chegar na Câmara, o Legislativo fará sua audiência como determina a Lei. Claro que como não dá pra debater projeto que não existe apenas para holofotes a um parlamentar, a Câmara rejeitou a proposta.

Corte Eleitoral terá novo membro

joseeulalioA expectativa do meio político é para a escolha do novo membro da Corte Eleitoral. O juiz José Eulálio se despediu do TRE-MA nesta terça-feira (1º). O Tribunal de Justiça deve fazer a eleição do novo membro já na sessão desta quarta-feira (2). O novo membro participará diretamente das decisões das eleições do ano que vem. Outros três membros da atual Corte não atuarão mais no próximo pleito. O atual presidente Guerreiro Júnior sai em dezembro deste ano junto com a juíza Alice Rocha. Já o juiz federal Clodomir Reis deixa a Corte em março do ano que vem.